Sobre as chapinhas japonesas

Escrito por jacqueline thomas | Traduzido por letícia resende
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sobre as chapinhas japonesas
Alisamento térmico japonês muda a estrutura do cabelo, de crespo para liso (Okinawa Soba, Flickr)

O alisamento térmico japonês é um processo que recondiciona o cabelo crespo em liso. O processo é conhecido por diferentes nomes, incluindo chapinha japonesa, e consiste na combinação de calor e produtos químicos para produzir resultados permanentes. Os produtos químicos alteram para sempre as proteínas do cabelo, transformando cabelos cacheados ou ondulados em alisados. O processo pode levar várias horas e o preço varia de R$ 600 a mais de R$ 2400 por tratamento.

Outras pessoas estão lendo

História

A chapinha japonesa surgiu no Japão na década de 1990. Tornou-se popular nos EUA em meados da mesma década. Yuko e Liscio são duas grandes empresas japonesas que fabricam e distribuem esses produtos. Ambas obtiveram patentes nos EUA na década de 1990. Desde então, várias outras indústrias criaram produtos semelhantes, mas as duas marcas continuam entre as favoritas.

Função

Chapinhas japonesas alteram a composição química do cabelo encaracolado. Diferentemente das soluções temporárias, como escovas ou chapinhas de cerâmica, o processo japonês é permanente. Esse tipo de tratamento é voltado para aqueles que só querem o cabelo liso, sem a necessidade de manutenção diária, semanal ou mensal.

Cuidados

Por causa do alto custo dos alisamentos térmicos japoneses, muitas pessoas são tentadas a encontrar tratamentos com desconto. Isso é perigoso, pois quem oferece tarifas mais em conta, pode não usar os produtos corretos ou a técnica adequada.

Também é importante ir a um cabeleireiro recomendado por amigos, colegas de trabalho ou uma fonte confiável, como uma revista popular.

Os cabelos crescem a uma taxa de 1,5 cm por mês. Apesar de alterar permanentemente o cabelo,a chapinha japonesa não afeta o crescimento novo. Devido ao processo de crescimento é necessário retocar o procedimento uma vez a cada seis a nove meses.

Processo

O alisamento japonês leva de duas a seis horas para ser concluído. O primeiro passo é a aplicação de um produto químico especial que reprograma as proteínas do cabelo de crespo para liso. Essa química cobre cada fio. Após cerca de dez minutos, um cabeleireiro remove o produto e, em seguida, introduz calor, usando uma chapinha. A temperatura é de pelo menos 365 graus. O estilista reúne 0,5 cm de cabelo na chapinha. Cada fio é completamente esticado. Após esse processo, outra substância química é aplicada ao cabelo, para selar o alisamento. Em seguida, o cabelo é lavado, seco e a chapinha é passada novamente.

Considerações

Após o processo, o cabelo deve ficar completamente seco por pelo menos 48 horas ou é possível que ele volte ao seu estado natural.

Antes do recondicionamento térmico é indicado uma consulta de pré-tratamento, ou seja, o cabeleireiro vai examinar o tipo de cabelo, se é bom candidato para alisamento japonês. Todos os profissionais certificados irão seguir esse passo antes do tratamento.

A chapinha japonesa não é recomendada para todos os tipos de cabelo encaracolados, especificamente os crespos, predominante em afro-americanos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível