Sobre parágrafos descritivos

Escrito por karen hollowell | Traduzido por ana rodrigues
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sobre parágrafos descritivos
Aprenda a desenvolver parágrafos descritivos (David De Lossy/Photodisc/Getty Images)

Os parágrafos descritivos são utilizados para fornecer ilustrações ao leitor. Um bom escritor usará algumas palavras cuidadosamente escolhidas para permitir ao leitor ter uma imagem mental do que está sendo descrito. Abaixo, neste artigo, estão os tipos de parágrafos descritivos e algumas orientações para torná-los mais significativos.

Outras pessoas estão lendo

Definição

Um parágrafo descritivo é um fragmento da escrita que se destina a transmitir um significado para o leitor atrás de detalhes sensoriais. Isso não significa que um estudante deve obter um dicionário para encontrar dez palavras que descrevam o pôr do sol. Um bom escritor será capaz de usar poucas palavras bem escolhidas. Elas servirão para ajudar o leitor a ter um nível de familiaridade que possibilite a total compreensão, que é o efeito final desejado da leitura.

Tipos

Embora um escritor possa descrever qualquer coisa, parágrafos geralmente podem ter as seguintes classificações: descrição narrativa (contando uma história); descrição subjetiva (persuasiva); e descrição objetiva (factual). As descrições narrativas contam uma história, real ou fictícia, de tal forma que o leitor possa se relacionar com elas pessoalmente. Isso pode ser feito acessando o seu conhecimento prévio através da experiência pessoal ou invocando imagens que provocarão a empatia do leitor para com os personagens, conflitos e resoluções. As descrições subjetivas relacionam detalhes de um ponto de vista intencionalmente enviesado. O escritor já tem uma atitude ou opinião estabelecida sobre o assunto ou situação sobre a qual está escrevendo. Os parágrafos descritivos servem para transmitir essa atitude ao leitor, principalmente, com a finalidade de persuasão. As descrições objetivas, por sua vez, são de natureza factual. Porém, elas são escritas de forma que permitam ao leitor vivenciá-las através de um ou mais sentidos.

Brevidade

As descrições eloquentes ou elaboradas não precisam de longas passagens com tantas palavras quanto você pode encontrar para descrever um acontecimento, pessoa ou coisa. O que elas precisam são adjetivos que transmitam mais claramente o significado de uma forma sucinta.

Escolha de palavras

Pode haver muitas palavras ou frases extravagantes que você pode encontrar para descrever detalhes. No entanto, em caso de dúvida, escreva o que você sabe. O familiar pode parecer chato para você, mas mantenha sempre o seu público em mente. Imagine que você está lendo através dos olhos dos leitores - o quão eficaz será a descrição se eles tiverem que consultar um dicionário a cada poucas palavras?

Foco

Em um mundo descritivo de metáforas e analogias, é fácil desviar do tópico original. Isso é especialmente verdade na descrição comparativa. A introdução de muitos componentes relacionados podem deixar o leitor confuso. Se possível, peça para alguém revisar o seu texto para dar continuidade ao assunto. A correção dos erros de ortografia e gramática deve ser feita separadamente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível