Solução de problemas para pistola de tinta HVLP

Escrito por paul miceli Google | Traduzido por franklin serafim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Solução de problemas para pistola de tinta HVLP
Uma pistola HVLP suja pode prejudicar a performance e um trabalho limpo (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Um acabamento de pintura com qualidade profissional pode ser facilmente obtido com uma pistola HLVP. Lojas de auto peças são regulamentadas por leis severas que exigem a redução de compostos orgânicos voláteis (COV) que são liberados na atmosfera. Pistolas de pintura HLVP são especificamente desenhadas para aplicar a tinta em grandes volumes usando baixas pressões. Ocasionalmente, essas pistolas podem parar de funcionar por terem ficado gastas, danificadas ou sujas. Solucionar problemas de pistolas HVLP pode facilmente retificar a maioria dos problemas para que o andamento do trabalho e sua qualidade não sejam afetados.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Chave para a pistola
  • Kit de utensílios para pistola HVLP
  • 45 cm de papel madeira
  • Fita adesiva
  • Entrada de ar
  • Compressor
  • Solventes de celulose
  • Óleo sem silicone

Lista completaMinimizar

Instruções

    Baixa performance de pulverização

  1. 1

    Verifique a configuração básica da sua pistola de pintura assim que a mesma parar de funcionar corretamente. Certifique-se que as configurações da ponta de passagem de fluido e agulha estejam corretos para a viscosidade da tinta e que a tampa de ar adequada tenha sido escolhida. Use material com informações técnicas fornecidas junto com sua tinta para melhor ajustar a configuração de sua pistola. Esteja alerta para qualquer sinal de desgaste; substitua partes danificadas por novos componentes imediatamente.

  2. 2

    Conserte imperfeições na ventoinha verificando se a tampa da entrada de ar está devidamente apertada no local. Certifique-se que a tinta esteja sendo aplicada a um ângulo de aproximadamente 30 graus para que a ventoinha forneça um jato de spray com precisão. Use uma palheta do kit da pistola de tinta para limpar a abertura do recipiente de armazenamento para ter certeza que uma completa distribuição de ar está disponível.

  3. 3

    Certifique-se de que a agulha está sendo ativada corretamente adicionando duas ou três gotas de óleo (sem silicone) no conjunto da válvula de ar. Se os problemas persistirem, verifique se a pistola está limpa e lembre-se que pode ser necessário o desmonte da pistola se houver sinais de acúmulo de tinta.

    Desmontando

  1. 1

    Esvazie a tinta do reservatório e enxague a pistola cuidadosamente com solventes de celulose. Remova a tampa de ar e use a chave da pistola para retirar o bocal do fluido. Retire a agulha e folgue a porca levemente para soltar a tinta acumulada.

  2. 2

    Encharque a pistola de tinta e suas peças em solventes de celulose por 15 minutos para folgar as partes com tinta seca. Pegue um pincel rígido no kit de utensílios e insira-o dentro dos reservatórios da pistola de tinta, mexendo-o vigorosamente para que os resíduos de tinta possam ser retirados das paredes internas. Não esqueça de esfregar com firmeza por trás da válvula. Enxague a pistola cuidadosamente com solventes de celulose para remover os últimos traços de tinta.

  3. 3

    Remonte a pistola de tinta e aperte a válvula. Faça outro teste de performance adicionando a tinta ativada no reservatório da pistola e fazendo uma aplicação em papel madeira. Resolva outros casos de acúmulo ou mal funcionamento da ventoinha adicionando 5 porcento de solvente à tinta para promover um melhor fluxo do material.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível