Como solucionar uma falha de ignição em um Ford Focus

Escrito por don bowman | Traduzido por mara marcos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

O motor de um Ford Focus ZTEC usa um distribuidor de ignição com duas bobinas separadas na tampa da válvula. Cada uma destas bobinas dispara dois cilindros. Este processo é chamado de sistema de ignição desperdiçado, em que as bobinas irão disparar dois tampões ao mesmo tempo - uma estará na compressão, ou tempo de potência, enquanto que a outra estará no escape. O tempo de ignição é determinado pelo computador. O sensor de cambota indica a posição do ponto morto superior no cilindro número "1" para o computador, que, por sua vez, ajusta a curva de distribuição.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Rosca de soquete
  • Cremalheira
  • Pulverizador de água
  • Chave Phillips
  • Conjunto de soquetes de 1,5 cm
  • Cremalheira de de 1,5 cm
  • Medidor elétrico de Volts e de Ohms
  • Par de alicates isolantes

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Remova a tampa do topo da válvula de dissimulação das bobinas, inspecionando as velas de ignição e substituindo-as, se necessário. Ligue o motor e veja se a falha foi eliminada. Se ainda estiver presente, pode haver um problema nos fios ou na bobina ou até mesmo no injetor de combustível, devendo ser acompanhados no progresso do diagnóstico. O injetor de combustível provoca o mesmo tipo de falha se "grudar".

  2. 2

    Coloque os cabos de vela e procure por evidências de torção na tampa da cabeça do cilindro, pois isto indicará um fio estragado. Se for visível, substitua os cabos das velas.

  3. 3

    Desligue o motor e afrouxe os fios na bobina, girando-os e puxando-os para fora dela. Deixe-os nas bobinas - o objetivo é apenas soltá-los um pouco para o próximo passo ser mais fácil.

  4. 4

    Ligue o motor. Usando um par de alicates com cabos isolados, puxe um cabo de cada vez para fora da bobina e perceba uma queda de RPM do motor. O cilindro que não tem diminui ou não gera um declínio no RPM é o causador da falha. Além disso, quando o fio é removido, observe uma faísca na bobina quando o fio é mantido próximo da dela. Isso pode indicar uma bobina ruim se o fio do plugue estiver funcionando bem.

  5. 5

    Verifique o fio suspeito com o medidor de Ohm, testando a continuidade através do fio. Se existir uma continuidade, a falha ainda estiver presente e não houver nenhuma faísca no fio quando removido da bobina, ela deve ser substituída.

  6. 6

    Verifique os injetores de combustível. Se os plugues e os fios estão bons e existir uma faísca na bobina de teste do fio, verificar os injetores é o próximo passo. Se estiver tudo bem, então um teste de compressão deve ser feito para localizar um problema no mecanismo interno. Ligue o motor e remova os conectores elétricos aos injetores de combustível, um de cada vez, e ouça a uma queda significativa no RPM do motor. Se for encontrado um cilindro que não faça diferença ou que seja muito pequeno em comparação aos outros, substitua o injetor.

Dicas & Advertências

  • Sempre use um alicate isolante ao remover os cabos de ignição enquanto o carro estiver ligado, pois o sistema de ignição pode gerar um choque bastante grave.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível