Subprodutos de aves em ração para cachorro

Escrito por maura banar | Traduzido por mariana silva gray
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Subprodutos de aves em ração para cachorro
Subprodutos de aves podem incluir partes da ave que são indigestíveis (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

O termo "subproduto" se refere a uma fonte de proteína animal que pode incluir partes que você, normalmente, não pensaria em comer. Em subprodutos de aves, isso inclui bicos, ossos, pés e outras partes das aves que podem ser limpas, moídas e processadas em uma forma comestível. De acordo com o A+ Flint River Ranch, os subprodutos são normalmente feitos de proteína animal que foram consideradas impróprias para consumo humano. Esse tipo de proteína é com frequência encontrada em rações animais de menor qualidade e mais baratas e, às vezes, em rações de melhor qualidade também.

Outras pessoas estão lendo

Identificando subprodutos de aves

De acordo com o website Dog Food Project, a proteína animal de subprodutos não está sempre descrita claramente nas informações nutricionais do produto. Ao invés disso, subprodutos de aves podem aparecer como "Subprodutos de carne" ou "proteína animal". Adicionalmente, subprodutos podem aparecer nas informações nutricionais como "carne transformada", de acordo com o A+ Flint River Ranch. Por causa disso, pode ser difícil identificar a fonte verdadeira de proteína animal e a carne pode vir de diferentes tipos de animais, incluindo cachorros e gatos.

Subprodutos de carne e farinha de vísceras de frango

Ração para cachorro que diz ter "farinha de vísceras de aves", "farinha de vísceras de frango ou peru" contêm carne e pele animal e, até mesmo, ossos. Ao contrário de subprodutos, farinha animal não contêm partes questionáveis do animal, como bicos e pés, de acordo com o site Dog Food Project. A farinha de vísceras animal teve a maior parte de sua umidade removida; no entanto, em sua forma de comida molhada, ela mantêm a maior parte de sua água. Por causa dessa versatilidade, a farinha animal, como a farinha de vísceras de frango, pode ser incorporada em marcas de alimentos enlatados e secos de melhor qualidade.

O problema com subprodutos de aves

Ao contrário da proteína animal vinda da carne, ossos e pele, os subprodutos de aves são feitos de partes inferiores do animal. O A+ Flint River Ranch explica que o subproduto de carne é feito de animais que são considerados "impróprios para o consumo humano". Isso pode significar que o animal do qual a carne foi extraída estava doente, machucado ou tinha alguma doença. Isso significa que a carne usada nos subprodutos de aves é a mesma carne que você não poderia comprar por ser considerara ruim para a saúde.

O que procurar ao ler as informações nutricionais

Ao comprar ração para cachorro, é importante ler as informações nutricionais e identificar fontes de proteína animal de melhor qualidade. De acordo com o site Dog Food Project, carnes em comida de cachorro devem ser nomeadas especificamente para o animal que representam. Por exemplo, ao invés de um genérico "proteína animal", você deve procurar por "frango" ou "farinha de vísceras de frango". Além disso, o site Canidae recomenda que você escolha uma ração que liste carne como um de seus primeiros ingredientes, o que significa que ela contêm uma fonte de proteína animal rica que pode incluir sua forma de "farinha".

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível