Sulfato de gentamicina para dermatite

Escrito por deyanda flint | Traduzido por lúcia collischonn de abreu
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sulfato de gentamicina para dermatite
Cuide da dermatite (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

A dermatite é uma condição que causa muita coceira e seu início é abrupto. Ela afeta principalmente cotovelos, joelhos, nádegas e couro cabeludo. Uma pele vermelha e descascada são seus sinais principais. A dermatite tem diferentes padrões, de uma simples alergia na pele até infecções consistentes e recorrentes na pele e tecidos moles. O sulfato de gentamicina é um antibiótico poderoso. Ele é normalmente dado aos pacientes no de forma intravenosa no trato de diversas inflamações cutâneas, incluindo dermatite. Ele também está disponível em forma de creme, para aplicação tópica.

Outras pessoas estão lendo

Infecções bacterianas

Muitas bactérias patogênicas causam o que se chama de dermatite atópica. As lesões resultantes fornecem um ambiente que pode hospedar diversos tipos de bactérias prejudiciais. Essa condição é comum em pessoas com distúrbios imunológicos, porque elas possuem uma habilidade reduzida de resistir a micro-organismos patogênicos. Eles geralmente secretam toxinas que corroem as células dos tecidos e causam alergia na pele e olhos. O sulfato de gentamicina é um antibiótico de amplo espectro recomendado para o controle de infecções de pele bacterianas. Ele particularmente mata bactérias aeróbicas e gram-negativa, como a Enterobacter.

Prevenindo infecções

A gentamicina é uma terapia anti-microbial que tem forte ação contra dermatite atópica. O sulfato de gentamicina fornece tratamento tópico altamente eficaz em infecções de pele bacterianas primárias e secundárias. Ele danifica as células bacteriais e destrói o ataque patogênico. Diferente de outros antibióticos, o sulfato de gentamicina tem um efeito bactericida. Isso significa que ele mata bactérias ao invés de impedir seu crescimento. O sulfato de gentamicina pode limpar infecções cutâneas que se tornaram difíceis de tratar com outros antibióticos.

Preparação

A gentamicina está disponível em uma solução aquosa de 0,3 % ou em forma de pomada. A solução ou dose de sulfato de gentamicina é utilizada com sucesso em vários distúrbios oculares como conjuntivite ou ceratite. Às vezes, os tecidos dos olhos podem manifestar células fibrosas após serem infectados, para o qual o sulfato de gentamicina é eficaz. A mesma preparação pode ser usada para infecções bacterianas no ouvido. Dermatite eczematosa pode se desenvolver na pele superficial e gradualmente penetrar mais fundo. A gentamicina pode aliviar essa condição.

Aplicação

O modo de administração do sulfato de gentamicina depende da severidade e área da infecção. Nos casos mais sérios, ele é injetado. Caso contrário, a pomada de sulfato de gentamicina pode curar dermatite. A pomada não causa nenhum efeito colateral e é comumente prescrita para infecções em crianças.

Efeitos colaterais

O sulfato de gentamicina age como um agente anti-bacteriano, matando bactérias. Entretanto, ele não é eficaz contra infecções cutâneas virais e fúngicas. Em alguns casos, o sulfato de gentamicina pode danificar o tecido do ouvido. Ele é também tóxico para os rins. Os seus efeitos colaterais às vezes restringem seu uso. Os médicos devem monitorar as condições de saúde de um paciente antes de prescrever o sulfato de gentamicina. Ele também não pode ser usado para tratar áreas próximas dos olhos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível