Como superar a solidão após a morte do marido

Escrito por tom ryan | Traduzido por caroline neri
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como superar a solidão após a morte do marido
Sentir-se sozinha após a morte do cônjuge é normal (Girl looks thru waterdropped widow glass 5 image by fotosergio from Fotolia.com)

O luto é um momento difícil na vida de qualquer pessoa. Ele pode ser muito difícil especialmente após a morte de um parceiro, como um cônjuge. Quando uma mulher perde seu marido, ela perde não só um parceiro romântico, mas um companheiro de atividades sociais, um confidente e alguém que a fez se sentir importante e amada todos os dias. A dificuldade em lidar com essa perda repentina pode ser amplificada pelos sentimentos de solidão que acompanham a separação definitiva dessa pessoa. Buscando as pessoas e os recursos certos, uma mulher lutando para superar a morte de seu marido pode tomar medidas para lidar com sua solidão.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Não se apresse. Embora eventualmente seja necessário recolher os pedaços de sua vida e seguir em frente, tome o seu tempo para aceitar a morte de seu cônjuge e todas as suas consequências advindas desse fato.

  2. 2

    Procure apoio nos amigos e familiares. Apoio informal, como dos amigos, dos filhos, dos irmãos ou até mesmo dos pais fornece não só uma saída para os seus sentimentos de tristeza, mas também a empatia e o amor incondicional que você pode ter perdido desde o falecimento de seu esposo.

  3. 3

    Abrace a sua independência. Você pode estar acostumada a tomar decisões de vida em conjunto com o seu cônjuge. Enfrentar essas escolhas sozinha pode ser assustador. Lembre-se que não há problema em cometer erros, e não tema grandes decisões.

  4. 4

    Permita-se sentir-se feliz. Sair com velhos amigos e fazer novos é uma ótima oportunidade para apreciar o mundo, sentir-se sociável, sorrir e gargalhar. Você ainda pode sentir saudades do seu marido, mas isso não lhe obriga a ter uma vida solitária.

  5. 5

    Dedique-se ao serviço. Você acha que causar algum impacto positivo na vida de outra pessoa é uma experiência gratificante? Ajudar os doentes, idosos, pobres e sem-teto pode dar-lhe um sentimento de maior autoestima.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível