Mais
×

Sustentabilidade: Cuide do planeta fazendo a sua parte

Podemos fazer mais pelo meio ambiente com simples ações
Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Introdução

Muita gente pensa que o problema no mundo passa muito longe de nós, perdidos entre relatórios dos países ricos ou nas toneladas e mais toneladas de gás poluente expelido por fábricas e veículos. Mas, muito além disso, o problema também passa por nossas mãos. Por isso, a importância de uma postura pró-ativa diante dos problemas ambientais. Há muitas formas de cuidar do planeta fazendo a sua parte. Confira algumas delas.

Mantenha as torneiras fechadas e evite os vazamentos
BananaStock/BananaStock/Getty Images

Contra a escassez de água

De toda a água de nosso planeta, apenas 3% é potável, sendo que a maior parte está congelada em geleiras. Especialistas calculam que 1/3 da população mundial já sofre com a falta de água. Em casa, podemos contribuir para evitar o desperdício com medidas simples, manter fechadas e consertar as torneiras com vazamentos, que desperdiçam até seis mil litros de água ao mês, se o gotejamento for contínuo. Outra medida importante é não despejar o óleo de cozinha no ralo da pia, pois ele contamina milhares de litros de água. O ideal é armazenar em frascos e dispensar no lixo.

Abra a janela por mais tempo e aproveite a luz do sol
David De Lossy/Photodisc/Getty Images

Contra o gasto de energia

Em nosso dia a dia, podemos contribuir para economizar energia, começando por aproveitar melhor a luz do sol, deixando as janelas abertas por mais tempo. Procure usar lâmpadas de baixo consumo, que usam menos 80% de energia e duram até oito vezes mais que as lâmpadas comuns. O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) certifica os produtos com menor consumo de energia com a Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (ENCE). Procure essa certificação na hora da compra.

Não estimule a criação de animais silvestre e denuncie o tráfico
Gary Faber/Photodisc/Getty Images

Contra a ameaça à biodiversiade

A interferência do homem na natureza fez com que uma série de animais fosse extinta e outras tantas estão ameaçadas de extinção. A destruição das florestas, a pesca predatória, a caça ilegal e o tráfico de espécies raras fazem com que muitos animais estejam prestes a desaparecer do planeta. Por isso, é muito importante não estimular a criação de animais silvestres, como araras e papagaios, e denunciar o tráfico de animais.

Planeje, faça uma lista e compre apenas o necessário
Noel Hendrickson/Digital Vision/Getty Images

Contra o desperdício

Em 2011, alcançamos a marca de sete bilhões de habitantes no planeta. A explosão demográfica se concentra principalmente em locais com menor poder aquisitivo. Enquanto isso, as taxas de desperdício de alimentos são cada vez mais altas nos países ricos. Para driblar esse paradoxo, é importante planejar melhor nossas compras. Faça listas de supermercado, compre só o que você vai usar mesmo; prepare receitas com as sobras de alimentos, como as cascas de fruta que podem dar ótimas geleias; ou aproveite os restos para fazer adubo para plantas. Reutilizar os materiais é uma alternativa saudável para evitar o desperdício.

Faça doações e reaproveite o que tem em casa e não usa mais
Jupiterimages/Creatas/Getty Images

Contra o consumismo

Repense o seu consumo. Não é preciso trocar os aparelhos eletrônicos ou o carro sempre que sair um modelo mais moderno. No supermercado, evite as sacolas plásticas, que sufocam o lixo nos aterros sanitários fazendo com que a decomposição tarde muito mais. Você quer uma roupa nova? Que tal ir a feiras de trocas ou brechós? Doe aquilo que você não usa (roupas, utensílios domésticos, móveis, brinquedos). Reaproveite coisas que você tem paradas em casa. Na internet, você encontra milhares de sugestões para criar coisas bonitas e criativas com o que iria pro lixo.

Procure sempre por produtos fabricados de forma sustentável
Goodshoot/Goodshoot/Getty Images

Contra a devastação das florestas

As florestas são muito importantes para o mundo, pois além de produzirem oxigênio (O2), ajudam a manter a temperatura do planeta, abrigam espécies de animais e vegetais nativas e protegem o solo dos processos erosivos. É importante pesquisar antes de eleger representantes que proponham ações contra a devastação das florestas e em favor do cuidado com o meio ambiente. Também é válido procurar produtos certificados e fabricados de forma sustentável, principalmente os que utilizem madeira de reflorestamento e papel reciclado, evitando o corte desnecessário e irregular de árvores.

Deixe o carro em casa algumas vezes e saia de bicicleta
Goodshoot/Goodshoot/Getty Images

Contra o excesso de CO2

Proveniente das queimadas nas florestas, da fumaça das indústrias e do escapamento dos veículos, o gás carbônico (CO2) vem se acumulando na atmosfera em grandes proporções. Esse gás se prende ao redor do planeta, formando uma espécie de capa que retém o calor. Colabore para a redução de emissões de CO2, repensando o uso de seu automóvel. Deixe o veículo na garagem algumas vezes por semana; pegue ou dê carona a um amigo; use mais o transporte público; saia de bicicleta, uma alternativa muito mais sustentável como meio de transporte e saudável, ainda por cima.

Separe lixo reciclável do orgânico e outros tipos que produtos
Jeffrey Hamilton/Digital Vision/Getty Images

Contra a poluição do solo

A camada superficial da crosta terrestre pede socorro. Os malefícios diretos e indiretos ao solo são causados, principalmente, pela exploração desordenada, pela ocupação desregrada das matas e pelo depósito de elementos químicos nocivos às formas de vida. Para contribuir com a preservação do solo, é importante praticarmos a reciclagem, separando o lixo reciclável do orgânico, além de nos esforçarmos para reduzir o volume de lixo. Além disso, materiais como pilhas e baterias devem ser encaminhados para a reciclagem adequada, pois contém substâncias extremamente tóxicas ao ser humano que contaminam o solo e as águas.

Consuma, sempre que puder, produtos agrícolas orgânicos
Digital Vision./Digital Vision/Getty Images

Contra os agrotóxicos

Os agrotóxicos são produtos químicos usados na agricultura para eliminar pragas da plantação. O problema é que eles prejudicam o cultivo das plantas e aceleram a perda de fertilidade da terra, sem contar que fazem mal para nossa saúde. Embora cozinhar os alimentos ou colocar em soluções de água com vinagre diminua os efeitos dos agrotóxicos, o ideal mesmo é consumir produtos orgânicos. Esses são alimentos sem modificação genética e sem fertilizantes químicos. Eles provêm de sistemas agrícolas baseados em processos naturais, que não agridem a natureza e mantêm a saúde do solo.

Palestras e reuniões em escolas também estimulam ações sustentáveis
Comstock/Comstock/Getty Images

A favor da conscientização

Mas tudo isso vai adiantar ainda mais se formos a favor da preservação da natureza a partir da conscientização. Devemos contribuir para espalhar a consciência ambiental. Para isso, podemos elaborar reuniões, palestras, conversas na escola, correntes pela internet, enfim, qualquer atitude individual ou coletiva que estimule ações pelo desenvolvimento sustentável do planeta. Afinal de contas, todos nós vivemos neste mundo. Esta é nossa casa e precisamos cuidar dela.