Os tecidos mais frescos para usar no verão

Escrito por jessica kaufman | Traduzido por daniela afonso
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os tecidos mais frescos para usar no verão
Tecidos que permitem que a pele respire são melhores para o verão (Kraig Scarbinsky/Digital Vision/Getty Images)

Manter-se fresco no verão é importante por muitas razões, incluindo saúde, moda e conforto. Além de ficar completamente nu, a melhor maneira de conseguir esse frescor é usar tecidos que refrescam ou permitem que a pele respire, deixando entrar a maior quantidade de ar possível para que o corpo se sinta mais fresco. Existem muitos tipos de tecidos frescos, desde naturais aos feitos pelo homem.

Outras pessoas estão lendo

Algodão

O tecido natural mais comum, conhecido por sua respirabilidade, é o algodão. Ele é um tecido derivado de bolas redondas e fibrosas encontradas na planta de algodão. Acredita-se ter sido produzido pela primeira vez pela Civilização do Vale do Indo em 4.000 a.C. A invenção do descaroçador de algodão de Eli Whitney, em 1793, deu início à produção dos tecidos de algodão. Hoje em dia, é um dos tecidos mais populares e versáteis do mundo. As suas qualidades que permitem à pele respirar vêm de suas fibras porosas. As fibras de algodão são ocas no centro, o que lhes permite absorver a transpiração e liberá-la rapidamente, o que não só permite a passagem do ar através das fibras, mas também mantém o corpo fresco secando a transpiração. Devido à sua natureza porosa, o algodão também pode ser facilmente pintado, e muitas de suas variedades de cores são mais fortes quando molhadas. O algodão normalmente combina as melhores propriedades de outras fibras para diferentes funções e usos. As variedades de algodão e tecidos incluem flanela, gaze, gingham, musselina, lona, cetim, pano de terry e veludo.

Os tecidos mais frescos para usar no verão
Roupas de algodão (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Linho

O linho é um tecido natural derivado da planta de mesmo nome. É um tecido mais caro que algodão, devido ao fato da planta do linho precisar de muito cuidado e atenção durante o seu crescimento e também pela falta de elasticidade das fibras dificultarem a sua tecelagem. O linho é considerado o mais antigo tecido utilizado na existência. Vestígios de linho foram encontrados em habitações nos lagos da Suíça em 8000 a.C., mas o primeiro uso documentado do tecido foi encontrado na Grécia antiga. O uso mais conhecido era no envolvimento das múmias no Egito antigo. Hoje em dia, o linho é usado nas roupas por sua durabilidade e respirabilidade. Ele é de duas a três vezes mais forte do que o algodão e é, também, um melhor condutor de calor, o que torna o tecido mais respirável disponível. Ele também é fácil de cuidar e é incrivelmente leve.

Os tecidos mais frescos para usar no verão
Roupas de linho (ULTRA F/Digital Vision/Getty Images)

Tecidos de absorção

Tecidos de absorção são tecidos artificiais criados para aliviar o corpo de suor, que absorvem a umidade do corpo, aceleram o processo de evaporação e mantém o corpo em uma temperatura estável. Esses tecidos são mais comumente usados ​​em roupas atléticas ou específicas para o ar livre, e ajudam a manter o corpo fresco durante atividades. Eles são feitos com um processo de tecelagem especial, que funciona em conjunto com o processo de resfriamento do corpo. Os fabricantes que usam esses tecidos têm ajustado a tecelagem ou adicionado revestimentos especiais para manipular o tecido de acordo com as suas necessidades.

Os tecidos mais frescos para usar no verão
Tecidos de absorção (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível