Técnica falsa de estampagem de madeira com borracha

Escrito por mackenzie wright | Traduzido por sabine capello
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Técnica falsa de estampagem de madeira com borracha
Examine a textura da madeira para ajudar a escolher as cores realistas (Digital Vision./Digital Vision/Getty Images)

Traga a beleza da textura da madeira aos projetos de artesanato para um estilo natural da terra. As ferramentas certas de estamparia o ajudarão a fazer um falso padrão de veios de madeira com pouco esforço. Se você está estampando em papel ou móveis, trabalhando em uma área pequena ou grande, um pouco de prática pode ajudá-lo a dominar a técnica para fazer desenhos realistas de madeira.

Outras pessoas estão lendo

Carimbos achatados

Os carimbos lisos em um padrão de textura de madeira dão uma seção singular de granulação. Eles são perfeitos para pequenos trabalhos, como fazer um cartão ou um pequeno tapete. Escolha uma cor de cartolina no tom de madeira, tal como um bronzeado ou castanho-avermelhado, e selecione uma almofada de tinta em uma cor mais escura. Carregue o carimbo pressionando-o na almofada de tinta, segure-o acima da área que deseja carimbar e alinhe-o. Em seguida, pressione suavemente e puxe o carimbo para cima para revelar o design.

Carimbos em rolo

Os carimbos de textura de madeira em rolo vêm em formas que fazem lembrar rolos de macarrão e são mais como um rolo de espuma. O benefício de um carimbo em rolo é que você pode criar uma área de textura de madeira longa e contínua, como uma prancha de madeira. Isso é útil para produtos de papel maiores, bem como outros produtos artesanais, tais como pintura de imitação de madeira falsa de pranchas ou painéis. Carregue o rolo com uma tinta que contraste com a cor da base, e role-o ao longo da superfície que você deseja dar a aparência de madeira.

Texturizador de madeira

Os texturizadores de madeira são perfeitos para cobrir grandes áreas com padrões contínuos de madeira, desde folhas de cartolina de 30 cm x 30 cm a texturização falsa de uma porta inteira como madeira maciça. Encontrados nas lojas de materiais de construção, os texturizadores de madeira têm superfícies curvas com linhas texturizadas sobre elas. Em vez de tinta, misture esmalte acrílico com a cor desejada de tinta acrílica, em quantidades iguais, e use um pincel para aplicá-lo de forma aleatória na superfície que deseja pintar. Coloque o texturizador sobre o esmalte e arraste-o para baixo para criar linhas de texturas. Varie as texturas e nós balançando o texturizador para frente e para trás conforme você o arrasta para baixo. Quanto mais você balançar, mais variação terá na textura. Passe para cada seção seguinte para continuar o processo. A beleza dessa ferramenta é que, se você não gostar da textura que está obtendo, pode modificar enquanto o esmalte ainda está úmido. A prática leva à perfeição.

Faça seu carimbo de espuma

Procure um pedaço velho de madeira muito marcada em uma sucata. Manuseie-o com cuidado e utilize luvas de trabalho, assim você não se machuca com eventuais lascas. Deixe a peça de molho na água por algumas horas ou durante a noite para que as marcas tornem-se ainda mais pronunciadas. Deite-o sobre uma superfície dura e plana, como uma calçada. Coloque um bloco de espuma de artesanato ou espuma de poliestireno em uma área de textura e pressione com força. Deixe um bloco de concreto ou outro objeto pesado sobre a espuma por algumas horas. Quando você removê-la, as marcas das ranhuras estarão em relevo. Ao passar o bloco de espuma sobre a tinta e pressionar sobre o papel, as áreas em relevo não o tocarão, de modo a obter um carimbo de imagem simétrica. A parte coberta é a cor de base e a textura são as linhas em branco.

Técnica falsa de estampagem de madeira com borracha
Ela pode estar muito lascada para usar diretamente, mas pode causar uma impressão na espuma (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível