Técnica de pedal em órgão

Escrito por lesley graybeal | Traduzido por evelyn lima
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Técnica de pedal em órgão
A técnica dos pedais é imprescindível para uma boa performance no órgão (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

O uso do pedal pode ser um dos aspectos mais difíceis do aprendizado do órgão. Mesmo os músicos com experiência em teclado ou piano podem demorar algum tempo para se acostumar a usar as pernas e os pés para tocar melodias no pedal. O posicionamento correto do corpo e dos pés é a base da técnica para pedais de órgão.

Outras pessoas estão lendo

Como posicionar o corpo

Ajuste a altura do banco de forma a deixar seus calcanhares na mesma altura que os pedais. Os pés devem encostar nos pedais brancos conforme você os move sob o órgão. Erga os dedos completamente acima dos pedais para reposicionar seus pés, no lugar de esticá-los. Ajuste o banco para a frente e para trás até que ambos os seus pés fiquem próximos dos pedais pretos. Ao tocar, mantenha os joelhos alinhados com os calcanhares, acompanhando-os sempre, mas evitando movimentá-los para cima e para baixo.

Como posicionar os pés

A maioria dos organistas coloca o pé direito ligeiramente à frente do esquerdo, embora isto não seja necessário para uma boa técnica. Neste caso, você deve deixar seu calcanhar direito próximo ao arco do pé esquerdo, com os pés formando um V que varie de tamanho dependendo do intervalo que você queira tocar. Quando precisar se reposicionar, gire o pé em torno do calcanhar, preparando seus dedos para tocar a próxima nota. Caso precise trocar os pés para alcançar alturas adicionais, passe o pé direito pela frente do esquerdo para evitar que um pé bloqueie o outro. Quando for tocar as teclas pretas, não cubra mais do que metade do pedal com o pé.

Como tocar os pedais do órgão

Economia de movimento é a técnica mais importante para tocar os pedais do órgão. Usar movimentos discretos confere mais precisão a cada nota. Durante as pausas, reposicione seus pés e sustente os dedos sobre a próxima nota a ser tocada. Pressione os pedais com todos os dedos, mas não deixe os pés retos. Mantenha o tornozelo flexível, como o pulso na técnica do teclado, e mova os pés para a esquerda ou para a direita para tocar os pedais pretos. Quando precisar tocar múltiplas notas, use a borda interna do pé. Pratique a posição dos pés em diversos intervalos até se acostumar com o movimento e conseguir determinar a posição correta do seu pé baseando-se no contato entre o seu calcanhar direito e o arco do seu pé esquerdo. Treine pressionar e relaxar as notas de forma enxuta e consciente, sem fazer soar alturas acidentais.

Pedais de harmônios

Os pedais dos harmônios funcionam diferentemente, pois, em vez de tocarem notas, eles operam os foles que produzem o som do órgão. Sua técnica simplesmente exige que você pise alternadamente nos pedais esquerdo e direito, sem usar força demais. A força aplicada controla o som do órgão, mas, em excesso, pode danificar o mecanismo dos foles.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível