Técnicas de pintura em camurça

Escrito por matthew anderson | Traduzido por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Técnicas de pintura em camurça
Transforme sua camurça com cores (Close up to paint brush with acrylic paint tube image by cleomiu from Fotolia.com)

A não ser que a camurça seja comprada sem acabamento direto de um vendedor de couro, normalmente terá uma camada protetora que irá impedir que seja tingida novamente. Mesmo assim, tingir camurça com qualquer tipo de desenho ou padronagem elaborada é difícil e faz sujeira. Mas uma grande variedade de técnicas de pintura podem ser usadas para criar desenhos, padrões e personalização para roupas de camurça.

Outras pessoas estão lendo

Dicas gerais

Antes de usar qualquer técnica, limpe e seque a camurça. É melhor seguir as dicas de limpeza recomendadas pelo fabricante. Ou então borrife a peça com água para remover poeira e sujeira e assegurar que ela fique adequadamente seca. É uma boa ideia testar a tina num farrapo do tecido antes de usá-la. A tinta para tecido costuma ser uma boa opção para a camurça, porque ela é flexível o bastante para não rachar. Fique confortável pintando o desenho antes de começar a pintar a camurça. Os erros não costumam ser reversíveis sem danificar o tecido.

Pintando

Tecido de camurça pode ser pintado como qualquer papel ou tela com algumas pequenas diferenças. Em vez de lápis ou carvão, delineador de olho branco pode ser usado na camurça para desenhar como guia antes da pintura. O delineador pode ser removido da camurça com um pano úmido. Com o desenho básico posicionado, o desenho pode ser pintado na camurça com tinta para tecido. Espere pelo menos três dias antes de usar a peça. Se possível, seja mais conservador com o tempo de secagem da tinta, como, por exemplo, esperando uma semana antes de usar a peça.

Pintando com estêncil

Estêncil pode ser um recurso útil para desenhos e símbolos mais elaborados. Ao contrário da pintura normal, o estêncil pode ser feito por aqueles que têm habilidades de pintura e desenho mais limitadas. Certifique-se de que o tecido seja esticado e que o estêncil seja posicionado corretamente. Se o estêncil for grande o bastante para isso, costuma ser uma boa ideia colocar um peso nele para impedir que ele deslize ou prevenir que a tinta vá para a parte de baixo do estêncil. Canetas de tinta acrílica ou tinta para tecidos costumam funcionar bastante bem para preencher as áreas do estêncil.

Respingar a tinta

Respingar a tinta pode criar interessantes padrões aleatórios que funcionam bem como fundos. Misture uma parte igual de tina e água juntas. A consistência deve ser de creme, de modo que não fique pingando do pincel, mas não tão grossa que não forme manchas quando necessário. Segure o pincel sobre a camurça com o dedão e o dedo indicador. Bata no pincel com o dedo indicador para criar os respingos. Se a tinta começar a engrossar a ponto de não respingar, adicione mais água à mistura.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível