Testes caseiros de gravidez

Escrito por erin carson | Traduzido por guilherme ferreira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Testes caseiros de gravidez
Testes de gravidez (pregnancy test - positive image by Grzegorz Szlowieniec from Fotolia.com)

Em 2008, comemoramos o 30° aniversário do teste caseiro de gravidez que, milhões de mulheres confiam para determinar se estão ou não grávidas. Enquanto estes testes são confiáveis, baratos e convenientes, você pode se perguntar se há métodos caseiros que podem determinar uma gravidez. A seguir, encontra-se um sumário breve da história dos testes de gravidez, algumas informações sobre testes caseiros e detalhes sobre um método antigo que foi comprovado eficaz, cientificamente, nos dias de hoje.

Outras pessoas estão lendo

História

As pessoas antigamente não podiam se dar ao luxo de comprar um teste de farmácia que confirmaria sua gravidez em alguns minutos. Elas tinham que esperar até sentir o bebê "chutar" ou se mexer para verificar a gravidez ou recorrer a testes caseiros disseminados em suas culturas. O primeiro teste caseiro de gravidez que se tem registro se encontra num papiro egípcio de 1350 A.C. e, era feito urinando-se em sementes de trigo e cevada.

Cevada e trigo

Uma mulher egípcia da antiguidade que suspeitava estar grávida, era aconselhada a urinar em sementes de trigo e cevada e monitorar o crescimento das sementes por um período de tempo. De acordo com a tradição, se o bebê fosse menina, o trigo cresceria e, se fosse menino, a cevada cresceria. Testes científicos dessa teoria, em 1963, revelaram que 70% das vezes dava certo, provavelmente, devido ao estrogênio na urina da mulher grávida. Infelizmente, para quem quer descobrir se está grávida de menino ou menina, o trigo e a cevada crescem igualmente, tornando isso inválido para saber o sexo do bebê.

Folhas de dente-de-leão

Um moderno teste caseiro de gravidez, atualmente encontrado em fóruns e salas de bate papo na internet, envolve mulheres urinando em folhas de dente-de-leão. Se aparecerem bolhas vermelhas nas folhas após uma hora, você está grávida. Se as folhas continuarem iguais, isso indica que você não está grávida. Enquanto alguns acreditam que este é um teste infalível, não há evidências que provem sua eficácia.

Concepções errôneas

Enquanto "o coelho morreu" se tornou uma maneira comum de anunciar uma gravidez, depois de ser popularizada por Lucille Ball no episódio de "I Love Lucy", injetar urina de uma grávida em um coelho não matará o coelho. Pesquisadores injetaram urina de grávidas em coelhas e outros animais no século XX, na tentativa de discernir a gravidez. Eles teorizaram que uma substância química presente na urina de uma mulher grávida, conhecida como gonadotrofina coriônica humana (hCG), estimularia os ovários da coelha e faria com que ela entrasse no cio. Infelizmente para a coelha, a maneira mais rápida de saber se seus ovários foram ou não afetados pela urina era matá-la e dissecá-la. Enquanto este método realmente funcionou e levou ao desenvolvimento dos testes modernos de gravidez, que também usam o hCG presente na urina da mulher, é totalmente desumano usar esse tipo de teste caseiro de gravidez.

Aviso

Enquanto estes testes podem ser uma maneira divertida de explorar a ciência e, possivelmente, confirmar a gravidez, é importante que uma mulher grávida verifique corretamente sua gravidez, para que ela possa fazer os cuidados pré-natais o mais rápido possível. A maneira mais rápida e confiável de se fazer isso é comprando um teste caseiro de gravidez ou fazer o exame de sangue ou urina numa clínica médica.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível