Tipos de bactérias encontradas em um exame de cultura de fezes

Escrito por marci sothern | Traduzido por marcos vinicios de araújo barros
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Os tratos digestivos dos seres humanos e de outros animais contêm muitos tipos de bactérias que ajudam na digestão, mas alguns desses organismos podem causar infecções nos seres humanos. Para determinar se uma pessoa tem uma infecção bacteriana, os médicos pedem que sejam colhidas amostras de fezes que posteriormente são submetidas a condições que permitam o crescimento de bactérias. Se aparecerem bactérias na cultura, o responsável pela análise observa a amostra através de um microscópio e faz testes químicos para identificar o seu tipo. As infecções bacterianas intestinais mais comuns em seres humanos são a salmonella, Shigella, Campylobacter e uma estirpe específica de Escherichia coli (E. coli).

Outras pessoas estão lendo

Salmonella

A salmonella (uma bactéria comumente encontrada no intestino de aves, répteis e alguns mamíferos) causa uma infecção diarreica nos seres humanos chamada de salmonelose. Geralmente, ela é transmitida para as pessoas que manuseiam ou comem carne mal cozida ou outros alimentos contaminados, assim como quem lida com resíduos de animais infectados. As infecções por Salmonella causam sintomas como diarreia, cólicas abdominais e febre. A salmonelose pode provocar doenças graves em crianças, idosos ou pessoas com o sistema imunológico enfraquecido. A maioria dos indivíduos se recupera sem tratamento médico. Se alguém tiver salmonella, deve beber líquidos para manter o corpo hidratado.

E. Coli (estirpe O157)

A E. coli, um grupo diversificado de bactérias, é geralmente inofensivo. Na verdade, ela costuma estar presente nos intestinos humanos. No entanto, algumas cepas dessas bactérias produzem venenos ou toxinas que podem causar danos aos intestinos, rins e ao sangue. A E. coli O157 produz uma toxina, chamada de Shiga, que provoca a doença diarreica. Os sintomas de uma infecção por E. coli incluem dores de estômago, diarreia com sangue, vômitos e desidratação. Embora algumas infecções sejam leves, outras podem ser graves ou com risco de vida, especialmente para crianças pequenas e idosos. O melhor tratamento é se manter hidratado, enquanto a doença segue seu curso.

Shigella

A Shigella causa uma infecção no trato digestivo chamada Shigelose, que normalmente é transmitida aos seres humanos pela ingestão de alimentos ou bebidas contaminadas. Ela produz toxinas que atacam a mucosa do intestino grosso, resultando em inchaço da parede intestinal, úlceras e diarreia com sangue. Os sintomas incluem cólicas abdominais, diarreia grave, vômitos, evacuações dolorosas, febre alta e perda de apetite. A Shigelose ocorre com mais frequência em crianças pequenas. Os médicos prescrevem antibióticos como a ampicilina para tratar essa doença. A hidratação também é uma parte importante no tratamento.

Campylobacter

As bactérias Campylobacter, que provocam diarreia, são a segunda causa mais frequente de doenças de origem alimentar, de acordo com o Ministério da Agricultura dos EUA. Elas são encontradas nos intestinos de muitos animais domésticos e silvestres e podem ser transmitidas pelas fezes deles. As pessoas contraem infecções por Campylobacter ao consumir carne (especialmente frango), água ou leite não pasteurizado que estejam contaminados. Os sintomas incluem diarreia, cólicas abdominais e febre. O tratamento consiste na ingestão de líquidos para combater a desidratação. Embora essa infecção costume desaparecer por conta própria, os casos graves podem necessitar de tratamento com antibióticos. As pessoas podem prevenir as infecções por Campylobacter, cozinhando a carne bem e bebendo água purificada e leite pasteurizado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível