Tipos de Piramides Ecológicas

Escrito por debashree sen | Traduzido por fernando prezotto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tipos de Piramides Ecológicas
Cada parte da pirâmide representa um nível trófico (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Uma pirâmide ecológica é um gráfico representativo desenhado para mostrar o número de organismos, relações de energia, e biomassa de um ecossistema. Elas são também chamadas de Pirâmides Eltonianas, nomeadas em homenagem à Charles Elton, que desenvolveu o conceito de piramides ecológicas. Organismos produtores (geralmente plantas verdes) formam a base da pirâmide, com cada nível superior seguinte representando um nível trófico diferente (respectivas posições dos organismos dentro da cadeia alimentar). Os níveis seguintes da pirâmide representam a dependência dos organismos em um certo nível em relação aos abaixo. Há três tipos de pirâmides: numérica, de biomassa e de energia.

Outras pessoas estão lendo

Pirâmide de Biomassa

Biomassa é material orgânico (vivo) renovável. Uma pirâmide de biomassa é uma representação da quantidade de energia contida na biomassa, em diferentes níveis tróficos por um tempo específico. É medida em gramas por metro quadrado, ou calorias por metro quadrado. Isso demonstra que a quantidade de matéria perdida entre os níveis tróficos em casa nível é dependente do nível anterior em energia, por isso os níveis mais baixos determinam quanta energia estará disponível no nível mais alto. Também, energia é perdida na transferência, então a quantidade de energia é mais baixa no topo da pirâmide. Há dois tipos de piramides de biomassa: Vertical e Invertida. A pirâmide vertical é uma em que a combinação do peso dos produtores é maior que a combinação do peso dos consumidores. Um exemplo é um ecossistema floresta. Uma pirâmide invertida é aquela em que a combinação dos pesos dos produtores é menor que a combinação do peso dos consumidores. Um exemplo é um ecossistema aquático.

Pirâmide de Números

A pirâmide de números representam o número de organismos em cada nível trófico. Essa pirâmide consiste em uma trama de relacionamentos entre o número de herbívoros (consumidores primários), carnívoros do primeiro nível (consumidores secundários), carnívoros do segundo nível (consumidores terciários) e assim por diante. Essa forma varia de ecossistema à ecossistema porque o número de organismos em cada ambiente é variável.

Vertical, parcialmente vertical e invertida são três tipos de pirâmides de números. Um ecossistema aquático é um exemplo de uma pirâmide vertical onde o número de organismos ficam menores e menores conforme mais alto na pirâmide. Um ecossistema de uma floresta é um exemplo de uma pirâmide parcialmente vertical, uma vez que poucos produtores suportam mais consumidores primários, mas há menos consumidores secundários e terciários. Uma pirâmide de números invertida é uma onde o número de organismos dependentes de níveis inferiores aproxima-se do ápice. Uma cadeia alimentar parasitária é um exemplo.

Pirâmide de Energia

A pirâmide de energia representa a quantidade total de energia consumida por cada nível trófico. Uma pirâmide de energia é sempre vertical, já que o total de energia disponível para utilização em camadas superiores são menores que em níveis menores. Isso acontece porque, durante a transferência, alguma quantidade de energia é perdida.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível