×
Loading ...

Tipos de violino

Atualizado em 19 julho, 2017

Instrumentos de arco existem há muito tempo e são fabricados em todos os formatos e tamanhos. Os instrumentos de corda vêm evoluindo e se diferenciando com o passar dos anos. Os mais diversos países influenciaram o desenvolvimento desses instrumentos e um dos mais famosos é o violino. Há diversas espécies de violino, vindas de todas as partes do mundo.

Violinos também são conhecidos como rabecas (violin image by Eckbert Schulz from Fotolia.com)

Violino

O instrumento de arco mais conhecido é o violino. Um instrumento que existe há séculos, o violino tem quatro cordas, normalmente é leve e pode ser incorporado em qualquer estilo musical. Alguns artistas classificam o violino como rabeca a depender do tipo de música tocado. Há diversos timbres diferentes na família dos violinos e ele normalmente é segurado entre o ombro esquerdo e o lado esquerdo do queixo. O violino, viola, violoncelo e contrabaixo são todos da mesma família. Nesses instrumentos o som é produzido pressionando-se as cordas contra o braço com a mão esquerda e friccionando o arco contra as cordas com a mão direita.

Loading...

Violino hadranger

O violino Hardanger tem oito ou nove cordas. Seu corpo geralmente é muito decorado. É parte da cultura do sudoeste da Noruega, tendo aparecido em 1651 pela primeira vez. Seu nome em norueguês é "hardingfele". Difere do violino comum por conta do som produzido. Suas cordas estão dispostas em duas camadas, o que causa efeito de eco ao tocar.

Lira bizantina

A lira bizantina tem formato de pera e é um dos primeiros instrumentos de arco de que se tem notícia, originando-se na idade média. Desde então ela evoluiu e se transformou em outros tipos de violino, encontrados em várias partes do mundo. O tipo mais usado hoje em dia provavelmente é a lira de Creta.

Erhu

O erhu é uma versão chinesa do violino. Ele tem duas cordas e um corpo é parecida com um tambor. Ele é colocado verticalmente sobre o colo. Para tocar o erhu, a mão esquerda encosta nas cordas e a mão direita move o arco na horizontal sobre as cortas. É possível também dedilhar as cordas, para sons abafados.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...