Tipos de viscosidade utilizados na Engenharia de Petróleo

Escrito por damien thryn | Traduzido por luiz neves
Tipos de viscosidade utilizados na Engenharia de Petróleo

Refinarias usam petróleo de diferentes viscosidades para obter diferentes produtos

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

A viscosidade de uma amostra de petróleo ou de uma grande mistura de amostras determina a aptidão do petróleo para aplicações comerciais. De acordo com a Universidade de Harvard, a viscosidade do petróleo líquido tem um efeito importante sobre a cinemática e, como consequência, sobre suas aplicações: o petróleo mais fluido é melhor para lubrificação de máquinas, por exemplo, e o mais espesso é adequado para fabricar diesel. Azer Abdullayev da Texas A & M University aponta que a viscosidade de vários tipos de petróleo muda com a temperatura. O Dr. Jorge Gabitto e a Dra. Maria Barrufet argumentam que o petróleo obtido a partir de uma região geográfica muitas vezes tem uma viscosidade muito diferente do que o petróleo encontrado em outra.

Outras pessoas estão lendo

O efeito da viscosidade para o usuário final

O petróleo fino, menos viscoso, é altamente fluído e pode percorrer canos e maquinários facilmente. O mais grosso, altamente viscoso, resiste ao movimento e parece mais um xarope do que um líquido puro, mas armazena mais energia em um espaço menor. A utilidade de uma amostra de petróleo depende muito da sua viscosidade, e a engenharia de petróleo trata principalmente da separação de óleos de acordo com as classes de viscosidade e da refinação de produtos para uso em produtos comerciais. Óleos de motor e gasolina são normalmente derivados de petróleo menos viscoso, enquanto diesel e material de pavimentação como asfalto são derivados de fontes mais viscosas.

Petróleo leve

O petróleo leve é um tipo altamente fluido de petróleo valorizado pelos engenheiros de petróleo por possuir a habilidade de agir como fluido ideal e ser refinado fornecendo produtos finais de alto valor. Esse tipo de petróleo pode ser refinado produzindo óleos de motor que conferem lubrificação e proteção para máquinas sensíveis em várias temperaturas. Também pode produzir gasolina. As companhias de cosméticos e algumas farmacêuticas utilizam esse petróleo e provocam um alto preço no mercado.

Petróleo pesado

O petróleo pesado é mais abundante e contém mais energia por unidade de volume devido à alta concentração de hidrocarbonetos. Por causa disso, ele é ideal para aplicações grandes como asfalto e para fornecer o combustível de usinas de queima de petróleo. Engenheiros de petróleo podem trabalhar com esse material para separar subelementos menos viscosos da sua grande estrutura para serem utilizados em processos de alto valor. O diesel pode ser obtido do petróleo pesado.

Viscosidade média

A viscosidade descreve a disposição de um fluido para fluir livremente e está relacionada à densidade do fluido em questão. Ela é medida em uma escala e há muitas classificações entre o petróleo leve e o pesado. O petróleo de média viscosidade pode ser usado em óleos de motor de baixa qualidade ou em aplicações de nicho que se beneficiem da utilização de hidrocarbonetos mais baratos. Ele também pode ser separado em porções de viscosidade superiores e inferiores e, em seguida, encaminhado por engenheiros de petróleo para um processamento adicional.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2015 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media