Mais
×

Como tirar sangue de veias difíceis

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Se você for um enfermeiro ou flebotomista, provavelmente já se deparou com algumas veias difíceis. Além de ser um desafio, pode se doloroso para o paciente, que será furado diversas vezes enquanto você procura a veia. Confira algumas dicas para ajudá-lo a encontrar veias difíceis.

Instruções

Nenhum paciente gosta de ser constantemente furado (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)
  1. Aplique um torniquete, como uma tira de elástico, no antebraço do paciente. Peça que ele cerre o punho e abra a mão diversas vezes.

  2. Bata gentilmente com os dedos na área para fazer a veia saltar. Você também pode usar um pano morno.

  3. Instrua o paciente a ficar com os dois braços para baixo, para facilitar a circulação. Escolha o braço que tiver as veias mais saltadas. Por vezes, a veia de um braço é mais difícil do que a do outro.

  4. Deixe que o paciente faça algumas flexões de braço ou de pulso para que o sangue circule melhor pelas veias do membro.

  5. Certifique-se de inserir a agulha corretamente, com a ponta para baixo e o buraco para cima. Isso facilitará a penetração da agulha na veia.

Dicas

  • Certifique-se de que o paciente esteja hidratado, pois a desidratação fará com que o acesso à veia seja mais difícil. Mais fluidos farão com que as veias fiquem mais cheias e mais saltadas.
  • A prática faz a perfeição. Exercite sua técnica para coletar sangue sempre que possível (não necessariamente tirando sangue, mas praticando o método).
  • Ouça o paciente. Ele pode já ter feito o procedimento o suficiente para saber quais as melhores veias.
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article