Tópicos de discussão para uma aula de inglês

Escrito por joel barnard | Traduzido por fernanda de assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tópicos de discussão para uma aula de inglês
Aulas de inglês como segunda língua progridem mais facilmente à partir do nível pré-intermediário, quando os alunos são capazes de realizar debates sobre diversos tópicos (Jupiterimages/BananaStock/Getty Images)

Salas de níveis pré-intermediários e superiores devem ser capazes de desenvolver debates, se o professor escolher um tópico com cuidado e ensinar o vocabulário relevante. Certifique-se que todos os alunos conheçam as regras antes de iniciar a discussão. Ademais, escolha tópicos que despertem interesse, mas que não sejam polêmicos a ponto de se tornarem ofensivos.

Outras pessoas estão lendo

Banição de cigarro em lugares públicos

Esse tópico de debate é útil em qualquer curso que venha ensinando vocabulário e estruturas relacionados à saúde. Antes da discussão, revise o vocabulário-chave, como “lungs”, “cancer”, “cost to the public”, “nicotine”, “addictive”, “healthy”, “passive smoking”, “chain smoker”, “smoking-related illnesses”, “second-hand smoke” e outros. Por se tratar de um tópico emotivo, deve-se esperar uma discussão intensa, então esteja preparado para lembrar os alunos das regras.

Abolição da pena de morte

Esse é um tópico que funciona especialmente bem em turmas mais avançadas de níveis intermediários e superiores, que já possuem habilidades linguísticas para expressar ideias abstratas. Antes de iniciar a discussão, reveja ou ensine o vocabulário essencial como “electric chair”, “lethal injection”, “innocent”, “guilty”, “jury”, “inhuman”, “legal”, “law”, “rights”, “crime”, “murder”, “abolished” e “court”.

Regulamentação mais restrita da internet

Esse tópico é passível de gerar bons resultados na maioria das turmas em quase todos os níveis, já que é relevante para a maioria dos alunos, e mesmo aqueles com habilidades linguísticas mais limitadas provavelmente estarão familiarizados com grande parte do vocabulário. Antes de iniciar o debate, reveja ou ensine o vocabulário conceitual, como “websites”, “search engines”, “browsers”, “pornography”, violent images”, “blocked”, “inappropriate”, “Google”, “international terrorism”, “freedom”, “malware”, “regulated”, “viruses”, e “spam”.

Quantidade excessiva de dever de casa para os alunos

Essa discussão deve funcionar bem em qualquer curso que venha focando no vocabulário da educação e que contenha um grande número de alunos que sejam pais. Antes de iniciar, reveja ou ensine o vocabulário conceitual, como “exhausted”, “coursework”, “after-school activities”, “tests”, “math”, “biology”, “physics”, “chemistry”, “course”, “cram”, “revise”, “public schools”, “private schools”, “headmaster” e “education”.

Tópicos descontraídos

Nem todo tópico de debate precisa ser relacionado a uma questão social ou política importante. Muitas vezes, é conveniente pedir aos alunos que discutam algo despreocupado e divertido, depois de uma aula de duas horas estudando técnicas de exame, por exemplo. Alguns temas leves para envolver a maioria da turma incluem "As mulheres são mais inteligentes do que os homens", "Os cães são melhores do que os gatos" e "Aliens vivem na Terra".

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível