Tratamento alternativo osteopático para hérnia inguinal

Escrito por theresa l johnston | Traduzido por eduardo horst maidana
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento alternativo osteopático para hérnia inguinal
Hérnias inguinais são uma condição geralmente comum e resultam da protusão de um parte do intestino por uma área de fraqueza da parece abdominal (body 2 image by Melanie von Snarly from Fotolia.com)

A hérnia inguinal é uma condição que geralmente afeta garotos e homens, em que um porção do intestino se projeta para dentro de uma área frágil dos músculos do baixo abdômen, na virilha. Bebês ocasionalmente adquirem uma hérnia inguinal por deformação durante movimentos intestinais ou um choro alto. Algumas pessoas sentem dor com essa condição, se o intestino for apertado contra a abertura, mas a maioria sente apenas um desconforto.

Outras pessoas estão lendo

Tratamento tradicional

Se você desenvolveu hérnia inguinal, repouso é uma importante parte do tratamento tradicional alopático, bem como do tratamento osteopático. Você deve evitar atividades que forcem a área e causem aumento da protusão. Procure ajuda médica o quanto antes assim que descobrir a hérnia. Se deixada por muito tempo sem tratamento, a parede muscular pode tentar se curar em volta da porção de intestino protusa, dificultando o tratamento. Seu médico pode prescrever uma cirurgia para fechar a área de fraqueza, mas muitas pessoas são capazes de administrar hérnias e conviver com elas tão bem quanto os que optam pela cirurgia, de acordo o Harvard Health Publications.

Tratamento alternativo osteopático para hérnia inguinal
Repouso é uma importante medida de tratamento assim que você descobre a hérnia, esforços podem piorar a condição (sofa image by Dmitry Nikolaev from Fotolia.com)

Tratamento osteopático

Pode-se obter alívio da hérnia sem cirurgia, mas a abertura geralmente não se cura sozinha, de acordo com a Sociedade Americana de Cirurgiões Gastrointestinais e Endoscópicos (SAGES). Como dito anteriormente, o repouso é muito importante. Tente deitar de costas para baixo e os pés para cima. Isso pode ajudar o intestino a deslizar de volta para seu lugar. Procure, na sua lista telefônica, por um médico osteopata. Muitos desses médicos realizam manipulação visceral, um tipo de massagem que objetiva descolar adesões e resolver outros problemas com os órgãos internos. Um osteopata vai indicar cirurgia, se a hérnia piorar ou causar desconforto, como relatado no site da Associação Americana de Osteopatia.

Mesmo sem a massagem, pode-se obter alívio com uma cinta especial ou um suporte que segure o intestino no lugar enquanto seus músculos se curam. Compre uma dessas cintas na internet ou por prescrição de seu médico. Essa cinta é para ajudar na cura, mas não pense nela como uma licença para voltar ao nível normal de atividades. Um médico osteopata pode indicar alguns exercícios leves para fortalecer os músculos da parede abdominal. Se notar que a área está ficando quente ou febril, aplique uma compressa de água gelada ou de gelo, mas consulte seu médico. Esse pode ser um sinal de estrangulamento ou prisão da hérnia. Se ela continuar dessa maneira, pode ficar estrangulada, o que requer cirurgia de emergência para correção antes que essa porção do intestino morra por falta de circulação sanguínea, de acordo com a SAGES.

Com repouso, cinta, massagem e exercícios, pode-se ser capaz de administrar a hérnia, para que não cause problemas por um longo tempo. Eventualmente precisará de cirurgia, se a abertura na parede abdominal se alargar. Discuta todas as opções de ação com seu médico para evitar um possível dano para a sua saúde.

Tratamento alternativo osteopático para hérnia inguinal
O tratamento osteopático pode incluir um tipo de massagem no abdômen, que ajuda no alívio da hérnia (Massage therapist giving a massage image by MAXFX from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível