Tratamento do câncer de mama com metástase óssea

Escrito por contributing writer | Traduzido por ludmyla dias
Tratamento do câncer de mama com metástase óssea

Tratamento para câncer de mama

Ryan McVay/Lifesize/Getty Images

O câncer de mama é um câncer que se origina no tecido (sarcoma) ou dutos da mama (adreoncarcinoma). É muito mais comum em mulheres do que em homens, e muitas vezes é diagnosticado pela presença de um nódulo encontrado durante uma mamografia ou exame de mama. Se detectado precocemente, o cancro da mama é relativamente tratável ​​usando uma combinação de cirurgia, radiação e quimioterapia. No entanto, o câncer de mama metastático ou de estágio IV não é uma doença curável e as metástases ocorrem frequentemente nos ossos, no fígado ou nos pulmões. Embora não possa ser curado, novos desenvolvimentos têm ajudado a melhorar a qualidade de vida e aumentar a longevidade dos pacientes com câncer de mama metastático.

Outras pessoas estão lendo

Metástase óssea

As metástases ósseas são comuns no estágio IV do câncer de mama. Frequentemente, metástases ósseas são sintomáticas e são acompanhadas por dores nos ossos no local da metástase. Embora a metástase e o câncer não sejam curáveis​​, os avanços na medicina, incluindo o uso da terapia de radiação, o tamoxifeno e os bisfosfonatos têm melhorado a qualidade de vida de pacientes com metástase óssea e têm melhorado o prognóstico em cinco anos das taxas de sobrevivência de pacientes afetados. Terapias sistêmicas, incluindo quimioterapia e terapia hormonal, também têm ajudado no tratamento de metástases ósseas causadas por câncer de mama.

Quimioterapia

A quimioterapia pode ajudar a diminuir tumores e reduzir a dor associada ao câncer metastático. Embora a quimioterapia não vá curar o cancro no osso ou eliminá-lo completamente, ele pode ajudar a reduzir a quantidade de células cancerosas presentes, o que alivia a dor e prolonga o tempo de vida. Efeitos colaterais comuns incluem a perda de apetite, a calvície, náuseas e feridas na boca.

Os bisfosfonatos

Os bisfosfonatos são relativamente uma nova classe de drogas que fizeram a diferença no tratamento de metástases ósseas causadas por câncer de mama. Os bisfosfonatos ajudam a tratar a fraqueza nos ossos provocadas por metástases. Eles funcionam de quatro maneiras: diminuem os danos aos ossos causados pelo câncer, ajudam a manter os níveis normais de cálcio no sangue, reduzem a dor óssea e reduzem o risco de fraturas ósseas causadas por metástases.

Radiofármacos

Os radiofármacos referem-se a um grupo de medicamentos, por via intravenosa, que têm elementos radioativos. O alvo do medicamento são os locais onde o câncer se forma no osso além de ajudar a eliminar algumas dessas células cancerígenas metastáticas. Isto reduz a dor e é muito mais preciso e eficaz do que a utilização de feixes de radiação externa. Uma única injeção de um medicamento radiofármaco pode reduzir ou eliminar a dor óssea até um ano após ter sido administrado. Este tipo de tratamento funciona melhor para metástases ósseas porque estimulam as células do osso, para formar novas áreas de osso no corpo.

A terapia hormonal

Alguns cancros na mama são receptivos hormonais, o que significa que estrogênio auxilia o crescimento do cancro. Cânceres receptivos de hormônios podem ser retardados, bloqueando o acesso ao estrogênio. A remoção dos ovários ou o fornecimento de fármacos bloqueadores de hormônios podem, assim, retardar o processo metastático.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media