Mais
×

Tratamento de lagos de peixes com sulfato de cobre

Atualizado em 19 julho, 2017

Quando organismos como as algas se tornam um problema em lagos com peixes, privados ou comerciais, o tratamento de sulfato de cobre fornece uma solução de baixo custo. No entanto, a aplicação inadequada do sulfato de cobre pode criar mais problemas que resolvê-los.

O sulfato de cobre mata as algas em lagos de peixes (fish in the pond image by alri from Fotolia.com)

Problemas com lagos

As algas em excesso podem acumular-se em lagoas. Elas podem flutuar na superfície, formar uma espuma e reduzir a quantidade de oxigênio no lago, de tal forma que o peixe morre. Os parasitas, como ictios, também podem prejudicar o lago com peixes.

Sulfato de cobre

O sulfato de cobre mata as algas e muitos parasitas que estão em contato com os peixes. Ele também matará muitas ervas daninhas que infestam uma lagoa. A pulverização uniforme de uma solução aquosa de sulfato de cobre garantirá que a substância se espalhe uniformemente em todo o lago. É um tratamento barato e fácil de aplicar.

Venenoso para os peixes

A aplicação excessiva do sulfato de cobre matará os peixes, especialmente se a água tiver baixo teor de alcalinidade. Se um lago contiver menos de 50 mg de material alcalino por litro, não deve ser tratado com sulfato de cobre, de acordo com a University of Kentucky College of Agriculture.

Outras considerações

Se o sulfato de cobre mata um tapete espesso de algas de uma só vez, a vegetação em decomposição pode privar o lago de oxigênio. Para a proliferação de algas densas, é melhor aplicar o sulfato de cobre sobre os piores lugares em vez de dar ao lago um tratamento completo de sulfato de cobre.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article