Tratamento para meningite carcinomatosa

Escrito por kay wagers | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento para meningite carcinomatosa
Essa doença ocorre quando células cancerígenas se espalham pelo o tecido que cerca o cérebro (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

Também conhecida como metástase lepto meníngea ou carcinomatose meníngea, a meningite carcinomatosa ocorre em cerca de cinco pessoas a cada 100 pacientes com câncer. Os médicos ainda estão lutando para descobrir um tratamento eficaz.

Outras pessoas estão lendo

Os fatos

A meningite carcinomatosa ocorre quando as células cancerígenas se espalham do tumor primário para as meninges que cercam o cérebro e a coluna. Isso acontece com mais frequência com câncer de mama e cérebro, mas pode ocorrer com qualquer forma de câncer que entre em metástase. Os sintomas incluem fraqueza muscular e perda do controle motor, dor de cabeça e dano na função cognitiva. Sem tratamento, os pacientes podem viver apenas de dois a três meses depois de serem diagnosticados. As opções de tratamento para meningite carcinomatosa geralmente se focam em controlar os sintomas da doença ao invés de erradicá-la. Isso inclui radiação, quimioterapia e controle dos sintomas.

Radiação

Um ciclo de tratamento para a meningite carcinomatosa é a terapia de radiação. Essa é geralmente feita em pequenos ciclos e é comparativamente bem tolerada pelos pacientes. Para tratar a meningite carcinomatosa, a radiação é tipicamente direcionada ao cérebro e aos tecidos das meninges que o cercam. Esta é uma escolha eficaz para ajudar a controlar os sintomas da doença. Se a radiação é dada em altas doses suficientes para tentar destruir as células que causam essa doença pode causar uma severa supressão da medula óssea, que pode interferir com o tratamento contínuo.

Quimioterapia -- Intratecal

Quando a quimioterapia é escolhida como tratamento para a meningite carcinomatosa, é geralmente feita por injeção intratecal. Para injetar o remédio diretamente no canal medular, o médico fará uma punção lombar. Se repetidas injeções são planejadas, o médico pode implantar um reservatório Ommaya para fazer o clico de quimioterapia mais facilmente e com menos dor ao paciente. A quimioterapia pode aliviar os sintomas da meningite carcinomatosa e adicionar meses à expectativa de vida do paciente.

Quimioterapia -- Intravenosa

Na busca por tratamentos mais eficazes para a meningite carcinomatosa, os médicos começaram a explorar as possibilidades a serem encontradas na quimioterapia intravenosa. Esse ciclo de tratamento elimina a necessidade por repetidas injeções no canal medular. Os médicos têm visto melhora nos resultados de alguns pacientes quando os remédios para a luta contra o câncer são ministrados ambos de forma intratecal e intravenosa.

Administração dos sintomas

Devido ao prognóstico para pacientes com meningite carcinomatosa não ser muito eficaz, mesmo com radiação agressiva e tratamentos quimioterápicos, muitos pacientes e seus cuidadores se focam na administração dos sintomas. O objetivo é aliviar os sintomas trazidos pela meningite carcinomatosa e aumentar o tempo restante do paciente. Remédios para eliminar a dor e para melhorar o controle motor são dados, ao invés de remédios para tentar curar a doença.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível