Tratamento para neuropatia fibular

Escrito por norma chew | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento para neuropatia fibular
A neuropatia fibular fornece movimentos aos pés, panturrilha e dedos dos pés (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

A neuropatia fibular é um distúrbio funcional do nervo peroneal. Esse nervo danificado pode causar perda do controle muscular, perda do tônus muscular e eventualmente perda da massa muscular. O pé caído é uma condição causada por um dano nesse nervo. A diabetes pode também causar dano em qualquer nervo incluindo o nervo peroneal. Em pessoas esbeltas ou que emagreceram, pode ocorrer a paralisia do nervo devido à pressão; isso é chamado de paralisia do emagrecimento.

Outras pessoas estão lendo

Definição

O nervo peroneal é um dos maiores nervos na parte inferior do corpo chamado de nervo ciático. O nervo tem duas ramificações, o nervo peroneal superficial e o profundo. Curiosamente, esse nervo é o que tem maior predisposição a danos traumáticos do que qualquer outro no corpo. Esse nervo é o fornecedor de movimento e sensação da panturrilha, pés e dedos dos pés.

Causas dos danos

As causas mais comuns de danos no nervo peroneal são ferimentos traumáticos nos joelhos ou danos no nervo ciático na coxa. Danos no quadril como uma fratura com deslocamento ou complicações ocorridas durante a cirurgia para reposicionar o quadril são outras causas. O cruzamento de pernas habitual é também o culpado, pois isso causa pressão no nervo, outra causa é a deficiência de vitaminas.

Tratamentos

O tratamento da neuropatia peroneal depende da causa do ferimento. Os casos não relacionados a ferimentos traumáticos são inicialmente tratadas de forma preventiva. Isso inclui prevenção da pressão no nervo, melhoria na alimentação para incluir frutas frescas e vegetais e proteína adequada e suplementos vitamínicos, especialmente a vitamina B12 que é eficaz na cura de nervos. Uma tala para o calcanhar pode ser recomendada para melhorar a caminhada. Esses tratamentos geralmente resolvem a enfermidade.

Cirurgia

Se o tratamento preventivo falhar a próxima opção é a cirurgia. Essa opção explora o canal da fíbula para liberar o nervo oprimido. A técnica consiste na identificação e marcação do local da operação, a administração de raquianestesia, o nervo é liberado então com uma fasciotomia local (cortar o tecido conectivo que cobre o músculo para liberar a tensão ou pressão). A pele é fechada e um curativo compressivo é aplicado.

Uma nova abordagem para tratar o pé caído

O Dr. Nath, um cirurgião do Instituto de Nervos e Paralisia do Texas é o pioneiro em um novo tratamento para um dano completo no nervo peroneal localizado na coxa ou área espinhal. Esses danos são geralmente permanentes. Esse tratamento use transferência do nervo da área tibial adjacente para corrigir potencialmente o problema. Para melhores resultados, a transferência do nervo deve ser feita dentro de 6 ou 8 meses do início do problema do pé caído.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível