Como treinar as marchas de um cavalo

Escrito por vex morgenstern | Traduzido por jesse mourao
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como treinar as marchas de um cavalo
Adestrar um cavalo exige bastante condicionamento (Jack Hollingsworth/Photodisc/Getty Images)

Os cavalos têm quatro marchas naturais: o passo, o trote, o trote largo e o galope. Mas alguns cavalos são criados para executar outras andamentos, que são chamados coletivamente de andamento a passo lento ("ambling", em inglês). Embora muitas vezes isso seja um movimento natural para um cavalo, ele ainda precisa de treinamento para realizá-las por meio de comando. Cavalos que podem executar esses andamentos são referidos como adestrados, e o treinamento é muitas vezes chamado de adestramento. A melhor maneira de adestrar um cavalo é por meio de uma caminhada conjunta.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Instruções

  1. 1

    Deixe seu cavalo em forma. Antes que você possa trabalhar as marchas, o cavalo tem que ser ágil, flexível e em forma. Faça exercícios de caminhadas diariamente para condicioná-lo. Quando você andar, trabalhe exercícios de flexões como pequenos círculos e pulos saltos sobre obstáculo para melhorar a flexibilidade e agilidade do seu animal.

  2. 2

    Comece pedindo ao seu cavalo para andar. Seu objetivo final levar o cavalo a marchar. Passear com o cavalo da forma mais rápida e ativa possível, sem deixá-lo se movimentar em trote. Use suas pernas e pélvis para manter o movimento para a frente. Aperte a pélvis com os movimentos do cavalo, incentivando-o a andar de forma mais ativa.

  3. 3

    Pratique para manter uma caminhada ativa. Você pode querer usar uma ajuda de impulsão, como esporas ou um chicote. Não bata o seu cavalo; basta tocar levemente no ombro ou flancos para incentivar uma caminhada mais ativa. Muitos cavalos gostam de acelerar por apenas alguns passos, e depois retornam a um ritmo mais lento. Você deve antecipar isso e estimular o cavalo antes que ele tenha a chance de diminuir o ritmo.

  4. 4

    Deixe seu cavalo retraído. Isto significa que o seu centro de gravidade deveria ser deslocado para trás. Uma maneira de retraí-lo é parar, com você deslocando seu peso para trás na sela e aplicar auxílios de perna ao mesmo tempo. Ponha um pouco de pressão sobre as rédeas, mantendo as mãos baixas. Isso deve ajudar a mudar o peso do cavalo para as pernas traseiras.

  5. 5

    Continue pedindo mais retração e velocidade. Use a meia-parada para solicitar uma maior impulsão e retração. Você pode executar uma meia parada, pedindo o cavalo para parar, em seguida, impulsionando-o para frente no momento em que ele começa a responder às suas sugestões. Logo, o seu cavalo deve mover-se naturalmente na marcha para a qual foi criado.

  6. 6

    Verifique se o seu cavalo está realizando a marcha certa. Se você tem acesso a uma arena com um espelho, use-o. Se não, olhe para a cabeça do seu cavalo e pescoço. O movimento deve ser para cima e para baixo, e não com um movimento para trás e para frente, o que significa que ele está caminhando.

Dicas & Advertências

  • Não tente treinar a marcha de um cavalo, se ele não foi criado para isso, a marcha não virá naturalmente e você acabar forçando seu cavalo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível