Mais
×

Como fazer trincheiras para jogos de guerra

Atualizado em 10 agosto, 2017

Trincheiras foram utilizadas em campos de batalha em várias épocas, mais notoriamente durante a I Guerra Mundial. Soldados se escondiam do fogo inimigo nelas, que podiam se desenvolver em sistemas elaborados que incorporavam bunkers subterrâneos e passagens. Elas são, portanto, uma boa adição a qualquer coleção de terrenos de jogos de guerra. O modelo básico de um sistema de trincheiras é fácil de se fazer usando materiais simples como madeira de balsa, papelão e espuma isolante, mas você pode customizar e adicionar detalhes para fazê-las chamar a atenção.

Instruções

Trincheiras, como esta da Guerra da Crimeia, foram utilizadas em muitas batalhas do século XIX (Photos.com/Photos.com/Getty Images)
  1. Desenhe um plano de seu sistema de trincheiras. Historicamente, muitos deles consistiam de mais de uma conectadas por algumas angulares entre elas. Alterne as estreitas com áreas mais largas.

  2. Decida se você quer que seu sistema de trincheiras seja escavado na superfície de uma tábua personalizada ou se você quer que seja uma peça modular para ser adicionada a uma tábua normal. Selecione uma camada de espuma isolante, preferencialmente de duas polegadas de largura, do tamanho apropriado.

  3. Desenhe as linhas do seu sistema de trincheiras na espuma isolante. Certifique-se de que as elas sejam grandes o bastante para colocar soldados e outros modelos dentro.

  4. Corte as vias na espuma utilizando um estilete grande. Certifique-se de que a trincheira é grande o suficiente para proteger os modelos que você colocar nelas, mas rasa o bastante para que eles sejam capazes de olhar no limite da parede. Você pode adicionar um degrau de fogo, uma plataforma para os bonecos poderem olhar sobre a parede. Utilize uma régua para estar certo de que a profundidade da trincheira e a largura do degrau sejam consistentes. Cave depressões no terreno ao redor, dando a ele uma superfície variada.

  5. Misture a cola PVA com areia para criar um verniz texturizado. Utilize um pincel grande, aplique a mistura à superfície da espuma e deixe secar.

  6. Usando o estilete, corte o papelão, a madeira de balsa, os palitos de picolé ou abaixadores de língua. Esses devem ser cortados em comprimentos iguais à largura da trincheira. Adicione uma camada de cola PVA ao chão da trincheira e cole essas tábuas no lugar. Você pode querer colar painéis de madeira de balsa ou papelão às paredes internas das trincheiras como revestimentos.

  7. Faça sacos de areia com massa de modelar ou epoxi e coloque-as ao longo da trincheira em pontos que possam precisar de reforços extras.

  8. Coloque um revestimento na sua trincheira de uma camada de cor de terra escura e passe o seu pincel levemente sobre a superfície com uma cor mais clara para trazer a textura mais elevada.

  9. Pinte as pranchas de trincheira, os sacos de areia e revestimentos de qualquer cor que você queira, normalmente um marrom ou cinza mais claro. Passe um pincel mais seco neles para criar um efeito de desgaste pelo tempo.

Dicas

  • Adicione detalhes como caixas, arame farpado, placas e destroços para dar a suas trincheiras uma aparência realista.

Aviso

  • Sempre tenha cuidado quando utilizar estiletes. Faça todos os cortes com a lâmina longe de suas mãos.

O que você precisa

  • Materiais para desenho
  • Espuma isolante
  • Régua
  • Estilete
  • Cola PVA
  • Areia
  • Pincel grande
  • Madeira de balsa, papelão, palitos de picolé ou palitos abaixadores de língua
  • Massa de modelar ou massa epoxi
  • Tinta
  • Pincéis pequenos
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article