Quando iniciar o uso de pílulas anticoncepcionais após um aborto espontâneo

Escrito por beth lytle | Traduzido por andressa gonzalez
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quando iniciar o uso de pílulas anticoncepcionais após um aborto espontâneo
Pílulas anticoncepcionais (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Um aborto espontâneo é descrito como a perda de uma gravidez antes do nascimento do bebê. A maioria ocorre nas primeiras vinte semanas da gravidez. Em praticamente todos os casos, as mulheres não podem impedir esses abortos espontâneos, mas a maioria delas é capaz de engravidar novamente depois de ter sofrido um.

Outras pessoas estão lendo

O que esperar

Se uma mulher grávida tiver hemorragias vaginais incomuns, febre ou calafrios, dor abdominal grave e um cheiro ruim vindo da área vaginal, ela pode estar sofrendo um aborto espontâneo e deverá procurar atendimento médico imediatamente. Será prescrita para a paciente uma medicação para diminuir a dor após o aborto. Se qualquer tecido permanecer no útero, pode haver hemorragia intensa e deverá ser removido. Sua remoção também ajudará a prevenir infecções. Geralmente, é recomendado que as pacientes fiquem na cama até que o sangramento pare ou diminua. Uma transfusão pode ser necessária, dependendo da quantidade de sangue perdida durante o aborto. É recomendado as mulheres que sofrem um aborto espontâneo procurar aconselhamento.

Acompanhamento

O médico provavelmente desejará examinar a paciente de duas a seis semanas após o aborto para acompanhamento do caso. A paciente poderá ter sangramento vaginal ou borrões por até dez dias após o aborto. Ela será aconselhada a descansar e, lentamente, voltar às suas atividades normais. Somente o médico poderá recomendar quando a mulher estará apta a retomar suas atividades sexuais. Geralmente, é aconselhado menstruar por, pelo menos, duas vezes antes de tentar engravidar novamente. Um método anticoncepcional poderá ser usado se a mulher preferir não engravidar.

Tomando anticoncepcionais

Tanto as pílulas anticoncepcionais só de progesterona quanto as combinadas, poderão ser tomadas imediatamente após um aborto espontâneo. As pílulas só de progesterona poderão ser iniciadas a qualquer momento e deverão ser combinadas com outro método contraceptivos em suas primeiras 48 horas de uso. A proteção total começará somente após dois dias do início de sua ingestão. As pílulas combinadas também poderão ser tomadas a qualquer momento. As mulheres que não quiserem engravidar novamente após um aborto espontâneo, poderão iniciar o uso de pílulas anticoncepcionais imediatamente, sem a necessidade de esperar por sua próxima menstruação. Se a paciente iniciar o controle de natalidade sem esperar pelo próximo período menstrual, deverá usar proteção adicional durante a relação sexual por uma semana.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível