Usos do hidróxido de estrôncio

Escrito por leroy demarest | Traduzido por franciele gobi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Usos do hidróxido de estrôncio
O açúcar pode ser refinado utilizando Sr(OH2). (sugar image by Randy McKown from Fotolia.com)

O hidróxido de estrôncio, ou Sr(OH2), é uma forte base com pH de 13,5, e é mais comumente encontrado em cristais incolores. Essa forte base, assim como a maioria das bases, é extremamente irritante para o trato respiratório, caso respirada, e para os olhos e pele, caso haja contato. Ela também é perigosa caso ingerida. No entanto, mesmo com essas preocupações, o hidróxido de estrôncio é uma base útil para diversos produtos diferentes.

Outras pessoas estão lendo

Indústria

Devido à sua reatividade com o ar, sua afinidade a ligações iônicas e ionização e suas propriedades como base forte, o hidróxido de estrôncio possui diversas aplicações industriais. Elas incluem ser um estabilizador plástico e um secador de tintas. Como um metal pesado alcalino terroso, ele atua como catalisador para ligar plásticos e faz com que a tinta forme um filme quando aplicado para ajudar a secá-la mais rápido.

Íons/sais de estrôncio

O hidróxido de estrôncio é muito solúvel e altamente reativo, o que o torna uma boa fonte para o íon estrôncio ou para fazer sais. Ele é frequentemente utilizado no lugar do cloreto de estrôncio, ou Sr(Cl2), quando existe o receio de contaminação de cloro na reação. Esses íons e sais possuem diversas aplicações. Eles são frequentemente utilizados em pirotecnia e rondas de rastreamento, porque quando são queimados, emitem uma cor vermelha profunda e brilhante.

Refinamento de açúcar

Talvez o uso mais popular do hidróxido de estrôncio seja o refinamento de açúcar. Como o açúcar é solúvel em água e, portanto, não pode ser lavado para ser refinado, os fabricantes o ligam ao hidróxido de estrôncio primeiro, para formar sacarato de estrôncio. O sacarato é insolúvel, o que permite que as impurezas sejam removidas com água. Após a lavagem, o dióxido de carbono é soprado, e o estrôncio liga-se a ele, formando carbonato de estrôncio e deixando apenas o açúcar refinado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível