×
Loading ...

Vantagens e desvantagens das fusões por conglomerado

Atualizado em 17 abril, 2017

As fusões por conglomerado ocorrem quando duas empresas que oferecem serviços diferentes ou atuam em ramos distintos se unem. Um conglomerado também pode ocorrer quando duas companhias desejam se fundir para aumentar sua fatia de mercado. Normalmente, a ideia de uma fusão por conglomerado é fortalecer as duas entidades mais do que elas conseguiriam individualmente, e essa medida é adotada por duas grandes empresas. Essa estratégia pode ser controversa às vezes, dependendo dos tipos de empresas que estiverem tentando se fundir. Embora esse método de fusão tenha suas vantagens, ele tem também desvantagens.

Todas as fusões por conglomerado têm suas vantagens e desvantagens (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Público

Uma clara vantagem da fusão por conglomerado é seu aumento de alcance exponencial. Se a empresa A se funde com a empresa B, então a A passa a ter acesso à base de mercado da B. Antes, a empresa A só tinha acesso a seu próprio público, e a empresa B provavelmente era uma concorrente. Na fusão, as duas empresas efetivamente alcançam o dobro do público que antes e ao mesmo tempo eliminam a concorrência.

Loading...

Diversificação

Ao diversificar as holdings de uma empresa, o risco é mais distribuído, assim diminuindo as chances de fracasso de uma empresa caso um elo da corrente arrebente. Na maior parte do tempo, isso é uma vantagem, mas pode também ser uma desvantagem se a fusão em questão interferir negativamente nas planilhas de uma empresa. Um exemplo disso seria uma empresa ter que distribuir seu orçamento por oito divisões com uma fusão quando só tem verba para manter bem cinco dessas divisões.

Homogeneização

Com o passar do tempo, pode ocorrer uma homogeneização após a fusão da empresa A com a B. Os valores essenciais de uma empresa podem ser devorados pela outra, e uma homogeneização ocorre dentro do novo conglomerado. Muitos defendem que essa é uma clara desvantagem das fusões por conglomerado, porque deixa o consumidor, e o mundo dos negócios, com poucas escolhas no mercado. Em vez de se ter as opções A e B, tem-se apenas a opção C.

Tamanho

O tamanho pode ser uma vantagem ou desvantagem quando se trata de fusão por conglomerado. Quando a empresa A assume a empresa B, com as finanças, ela herda também todos os funcionários. O número total de pessoas cresce, e se a empresa final conseguir manejá-las, em alguns casos, pode ser positivo. Contudo, a estrutura de toda uma indústria pode mudar devido à fusão, assim deixando os que seriam futuros trabalhadores a ver navios se a empresa final não conseguir acomodá-los.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...