Vantagens e desvantagens de uma ponte suspensa

Escrito por paul cartmell | Traduzido por lucas martin
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A base da ponte suspensa está no projeto antigo da ponte de corda Inca. No mundo moderno, a maior é a Ponte Akashi Kaikyo, no Japão, que se estende por 3.911 metros.

Outras pessoas estão lendo

Vantagens econômicas

A área atravessada por uma ponte de suspensão é muito grande em proporção à quantidade de material necessário para sua construção.

Vantagens de altura

Construído sobre cursos de água, as pontes podem ser construídas em posições mais altas, permitindo a passagem de navios altos sem problemas sob a ponte.

Vantagens de construção

Durante a construção, os suportes centrais temporários não são necessários e o acesso à construção não é feito por baixo. Isso significa que as estradas movimentadas e hidrovias não precisam ser interrompidas.

Vantagens e desvantagens de flexibilidade

A flexibilidade das pontes suspensas lhes permite flexionar sob a ação dos ventos e dos terremotos. Elas, porém, podem ser instáveis ​​em condições extremamente turbulentas. Assim, casos extremos requerem a interdição temporária da ponte.

Desvantagens de fundação

Quando construída em terreno macio, as pontes suspensas exigem um extenso e caro trabalho na fundação para combater os efeitos da carga pesada nas torres.

Cargas pesadas

A flexibilidade pode ser uma desvantagem para as pontes suspensas, pois poderá balançar sob cargas pesadas concentradas. Essas pontes não são geralmente usadas ​​para travessias ferroviárias regionais que transportam cargas máximas de peso, causando avarias adicionais à ponte.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível