As vantagens da eletroforese

Escrito por jonathan lister Google | Traduzido por lean pereira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As vantagens da eletroforese
A eletroforese tem tido um papel importante no mapeamento do genoma humano (DNA image by Allyson Ricketts from Fotolia.com)

Eletroforese é a separação de partículas causada por uma corrente elétrica. Cientistas têm usado este processo para examinar o corpo humano e outras espécies a nível genético. Ele separa os componentes do DNA para determinar a presença de certos marcadores genéticos e até a presença de desordens e patologias. O baixo custo relativo e extrema precisão dos testes têm permitido aos cientistas mapear os marcadores genéticos para uma grande variedade de doenças sanguíneas, incluindo a anemia falciforme.

Outras pessoas estão lendo

Versatilidade na identificação

A eletroforese é um versátil teste diagnóstico que pode ser usado tanto para separações de proteínas e ácidos nucleicos como impressões de proteínas. O sistema é frequentemente usado no campo médico para diagnosticar uma variedade de desordens sanguíneas como a anemia falciforme ou talassemia, em testes unidimensionais ou bidimensionais para separar proteínas e identificar marcadores genéticos. A eletroforese tem sido usada também para determinar diferentes espécies de peixes e para determinar traços importantes em grãos de soja e trigo através de análises e separações dos componentes do DNA.

Baixo custo

De acordo com a Crop Science, uma revista de genética, genética molecular e biotecnologia publicada pela Michigan State University, o custo da eletroforese é de aproximadamente R$5 por amostra em gel passada por uma análise, ou menos que R$0,06 centavos por ponto de informação. Em termos de pesquisa genética e análise, isto torna a eletroforese um dos meios mais baratos para identificar marcadores genéticos em larga escala, com máquinas que comportam até 100 amostras por vez.

Precisão de resultados

A eletroforese é extremamente precisa. Quando o processo é executado corretamente, ele pode separar proteínas dentro de uma célula em até 1500 partes diferentes. O sistema também é altamente seletivo, sendo capaz de notar diferenças em amostras de DNA, mesmo sendo tão mínimas quanto 2 ou 3 pares de base. Resultados tão confiáveis permitem aos cientistas e técnicos de laboratório desenvolver conclusões acerca da composição genética das espécies testadas e desenvolver colheitas mais robustas, determinar a probabilidade de doenças no corpo humano e, talvez um dia, eliminá-las a nível genético.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível