×
Loading ...

As vantagens de uma piscina acima do solo

Atualizado em 17 abril, 2017

Seja uma piscina acima do solo ou seja uma tradicional, existem certas normas técnicas para esse tipo de construção em áreas residenciais. Familiarize-se com o assunto antes de iniciar qualquer projeto, e considere também o custo da manutenção. Aquelas acima do solo são mais baratas para se instalar, contudo são menos duráveis e requerem uma manutenção mais frequente.

Seja acima ou embutida no solo, saiba quais as normas técnicas para a construção de piscinas (David De Lossy/Photodisc/Getty Images)

Preço

As piscinas acima do solo possuem uma instalação mais barata. Isso talvez seja a maior razão para as pessoas preferirem essa opção. Já nas "embutidas", seu terreno terá que ser escavado, o que requer um maquinário pesado e a contratação de profissionais que são licenciados para operá-los. E mais, os materiais usados na piscina propriamente dita são mais em conta se ela estiver acima do solo, uma vez que a maioria não precisa de cimento ou azulejos.

Loading...

Facilidade da instalação

As piscinas acima do solo são muito mais fáceis de serem instaladas. De fato, você até talvez seja capaz de construir uma sozinho, sem a contratação de terceiros. Para se erguer uma piscina acima do solo, você deverá prender as placas laterais no chão e conectá-las ao suporte, de forma a fixar a estrutura. Depois, prenda o forro e encha a piscina de água. O tempo gasto na montagem é apenas uma fração do de uma embutida no chão.

Facilidade na remoção

Assim como esse tipo de piscina é fácil de instalar, a remoção ocorre da mesma maneira. A estrutura simples faz delas menos duráveis que as de concreto, mas isso ainda leva menos tempo na desmontagem. Tudo que você deve fazer é esvaziá-la, retirar o forro e desprender as placas laterais e os suportes. Isso pode soar como um volume alto de trabalho, mas é mais fácil do que aparenta, se compararmos com a retirada de azulejos e cimento, o que é normalmente requerido para uma piscina tradicional.

Segurança

Essas piscinas são mais seguras do aquelas abaixo do nível do solo, uma vez que não possuem paredes protetoras. A Secovi (Sindicato da Habitação) afirma que a piscina deve ser cercada e fechada com cadeado, mas ainda assim fica fácil para crianças caírem, se pularem a cerca ou passarem pelo portão. E mais, as piscinas acima do solo não são fundas o bastante para mergulho, por isso, o risco de lesões graves é menor. Em geral, elas não excedem 1,20 ou 1,50 m de profundidade, o que reduz ainda mais o risco de afogamento para aqueles que não sabem nadar.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...