Como vender roupas usadas

Escrito por ehow contributor | Traduzido por valéria wanda fernandes barbosa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Se o seu guarda roupa está lotado de roupas que você praticamente não usou, transfore essa desordem em dinheiro, e crie espaço para próximas compras sem as quais você não pode viver, vendendo suas roupas online ou em brechós.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Ferro

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Faça uma limpeza no seu guarda roupa. Coloque as roupas mais desgastadas ou manchadas no saco de lixo. Separe as roupas, sapatos e acessórios que estão em bom estado, continuam na moda e ainda estarão pelos próximos meses. Separe as roupas de crianças por tamanho e gênero.

  2. 2

    Lave e passe as roupas. Todas as lojas querem roupas que aparentam ser novas. Várias vão exigir que você leve as roupas em cabides.

  3. 3

    Visite lojas de revenda que vendam roupas similares as suas e olhe as roupas das araras para se tornar familiar com as roupas que eles possuem. Pergunte o que eles estão procurando e sobre a sua política de compras. Por exemplo, algumas lojas que vendem jeans estão interessadas apenas em Levi's 501s, outras lojas querem apenas roupas de criança de marca. Não perca o seu tempo tentando vender roupas para as lojas erradas.

  4. 4

    Considere brechós para vender roupas de marca usadas de um ou dois anos atrás. Brechós normalmente exibem as roupas por 30 a 90 dias (muitas vezes com descontos periódicos). É pago a você, uma parte do preço da venda (normalmente 40 a 50%, incluindo os impostos) por qualquer item que seja vendido. Alguns brechós possuem duas temporadas, primavera/verão e outono/inverno, então separe suas roupas de acordo com essas temporadas.

  5. 5

    Descubra quais as horas que um comprador estará disponível. Caso necessário, agende uma visita para levar suas roupas. Verifique se existe um número máximo de itens que você pode levar.

  6. 6

    Guarde o seu recibo, e contate a loja quando o período de consignação acabar. A maioria das lojas lhe enviará um cheque por qualquer item que tenha sido vendido. Se você não for buscar as roupas que não foram vendidas imediatamente, elas podem ser doadas para caridade.

  7. 7

    Saia com dinheiro, ou mais roupas, vendendo estilos casuais para lojas de segunda mão. Normalmente elas pagam cerca de 30 a 40% do preço que eles pretendem cobrar pelos seus itens ou mais caso você prefira trocar as roupas por créditos na loja.

  8. 8

    Seja o seu próprio varejista vendendo suas próprias roupas, especialmente itens de marca ou vintage, em seu próprio web site ou em sites de leilão, como eBay.com. Para receber mais pelo seu produto, escreva uma descrição clara e precisa, forneça dimensões específicas e inclua fotos coloridas de qualidade.

Dicas & Advertências

  • Faça uma doação das roupas que você não vender para locais de caridade que coletem roupas usadas. Peça um recibo para efeitos fiscais.
  • Pense uma temporada à frente ou tenha como objetivo o começo de temporadas com itens sensíveis à temperatura, como casacos e botas de inverno, e shorts e sandálias.
  • Preste atenção quando compradores falam o motivo pelo qual eles não aceitam certas roupas ou o que eles estão procurando. E não leve para o lado pessoal se uma loja rejeitar suas roupas ou se seus itens não venderem em um brechó.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível