Viajando com um papagaio

Escrito por kyra sheahan | Traduzido por iracimara câncio
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Viajando com um papagaio
Papagaios podem ficar enjoados enquanto viajam (Comstock/Comstock/Getty Images)

Nem todo mundo se sente confortável em deixar seu papagaio em casa sozinho por longos períodos e quando a vida requer que você viaje, surge a questão sobre levar ou não seu papagaio na viagem. Viajar com seu amigo de penas é possível, ainda que seja necessário que você considere muitos fatores, a fim de manter o papagaio confortável e seguro durante suas viagens.

Outras pessoas estão lendo

Liberação de saúde

Antes de se aventurar com o seu papagaio, primeiro procure a aprovação de saúde do veterinário. O veterinário irá examinar a ave para se certificar de que está em condição apropriada para viajar e que não existem quaisquer problemas de saúde ou condições que possam comprometer seu bem-estar enquanto viaja. Você também vai precisar dizer ao veterinário onde você está indo com o papagaio. Por exemplo, se você estiver viajando para outro estado, você vai precisar de um atestado de saúde assinado pelo veterinário, a fim de levar o papagaio através das fronteiras estaduais ou em um avião.

Prova de transportadora

Se você nunca viajou com seu papagaio antes, isso pode significar que é a primeira vez dele em uma gaiola de transporte portátil. Antes de você ir numa jornada longa, como uma viagem em um carro, deixe o papagaio ambientado ao carregador, para que ele não se sinta tão ansioso em estar preso. Você pode fazer um teste de transporte, onde você coloca o papagaio na gaiola portátil e dirige ao redor com ele no carro por uma hora. Mesmo se você estiver planejando viajar de avião, ônibus ou trem, o mesmo exercício vai ajudar o seu papagaio a se acostumar com o ambiente menor enjaulado, que terá de ser mantido durante o percurso. Além disso, se você for viajar de avião com seu papagaio, precisará certificar-se de que a gaiola transportadora está dentro dos limites estabelecidos pela dimensão da companhia aérea.

Viajando com um papagaio
Ambiente o papagaio à gaiola onde será transportado, para que não se sinta ansioso por estar preso (Comstock/Comstock/Getty Images)

Esteja preparado

Você pode tornar a viagem com seu papagaio mais bem sucedida, preparando-se para uma variedade de eventos. Por exemplo, se você vai viajar, pode querer parar e deixar o papagaio (e você) caminhar um pouco. Para isso, prepare-se levando uma coleira especial de pássaros para ele. Também certifique-se de levar comida de papagaio e um pequeno prato que você possa colocar água para ele. Leve um kit de emergência para animal de estimação e, se você estiver preocupado sobre seu papagaio ficar enjoado com a viagem, leve um suplemento anti-náusea aprovado por veterinários para dar à sua ave.

Considerações

Alguns donos de papagaio são contra cortar as asas, pois eles acreditam que é cruel para o animal. Entretanto, se você não é contra este conceito, pode considerar cortar as asas antes de viajar, como parte da preparação. Quando você corta as asas do papagaio, não há como ele voar caso acidentalmente se solte da gaiola de transporte. Isto pode fazer você se sentir mais confortável sobre levar o papagaio para fora de casa.

Viajando com um papagaio
Caso não seja contra, corte as asas do papagaio para evitar que ele voe caso se solte da gaiola de transporte (John Foxx/Stockbyte/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível