×
Loading ...

Como reanimar o seu gato com respiração de resgate

Atualizado em 23 março, 2017

Quando seu gato estiver passando por uma emergência respiratória, realizar respiração de resgate no felino pode literalmente significar a diferença entre a vida e a morte.

Instruções

Saiba como proceder em caso de emergência respiratória felina (Michael Blann/Lifesize/Getty Images)
  1. Determine se o seu gato está ou não respirando. Para isso, você deve observar se o peito dele está enchendo e esvaziando (subindo e descendo) conforme ele inspira e expira. Ou sinta a respiração, colocando os dedos sob o nariz dele.

    Loading...
  2. Coloque o gato deitado de lado, virado para direita e incline a cabeça dele para trás, caso não esteja respirando. Esse ato abre a via aérea do animal.

  3. Tire qualquer objeto ou partícula estranha da boca do gato usando os seus dedos. Crie um gancho com o dedo mindinho e "varra" a boca dele para remover qualquer corpo estranho ou muco que pode impedir tentativas de respiração artificial.

  4. Sele sua boca sobre o nariz e a boca do gato. Certifique-se de que a vedação é hermética de modo que o ar passe para dentro dos pulmões do gato.

  5. Sopre suavemente no nariz do animal e observe o peito expandindo. Se isso não ocorrer, "varra" a boca dele novamente e reposicione a cabeça. Pode ser que a cabeça esteja inclinada longe demais em uma direção, provocando o colapso da via aérea.

  6. Repita o procedimento da respiração uma vez a cada cinco segundos, até que o seu gato volte a respirar normalmente, ou então deixe um veterinário assumir o trabalho. É imprescindível continuar a respiração e assim a oxigenação do cérebro até que a ajuda médica esteja disponível.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...