Antibióticos para problemas de pele canina

Escrito por edriaan koening | Traduzido por ana beatriz de menezes gomes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Antibióticos para problemas de pele canina
Sempre consulte um veterinário antes de dar antibióticos para tratar problemas de pele canina (pill, pills image by laviniaparscuta from Fotolia.com)

Antibióticos fornecem um tratamento eficaz para problemas de pele de um cão. De acordo com o Vet Info, uma grande parte dos problemas de pele em cães é causada por bactérias estafilococos, mas outras bactérias também podem afetar a pele do animal. Sempre consulte um veterinário antes de usar antibióticos em um cão. Para ser seguro e eficaz, use o antibiótico certo na dosagem correta.

Outras pessoas estão lendo

Cefalexina

De acordo com Discount Pet Medicines.com, cefalexina é eficaz contra uma ampla gama de bactérias, e é geralmente prescrita para uma grande variedade de condições, incluindo pele, ossos, feridas, infecções respiratórias e da bexiga. A droga vem em formas liquidas ou em cápsula. Possíveis efeitos colaterais incluem vômitos, diarreia, erupção cutânea, dificuldades respiratórias, salivação e febre. Cefalexina não é segura para cães com alergia à penicilina e cefalosporina.

Antibióticos para problemas de pele canina
Cão saudável (Comstock/Comstock/Getty Images)

Clindamicina

Um antibiótico de estreito espectro, a clindamicina, vem em cápsulas, gotas e soluções tópicas. Discount Pet Medicines.com afirma que o medicamento é receitado para infecções, feridas de mordida e abscessos. Se um cão tem problemas de rim ou fígado, não deve consumir clindamicina. A droga pode causar efeitos secundários, tais como vômitos, diarreia e perda de apetite.

Antibióticos para problemas de pele canina
Veterinário (Comstock/Comstock/Getty Images)

Enrofloxacina

Segundo o Discount Pet Medicines.com, a enrofloxacina penetra bem no tecido e luta contra uma ampla gama de bactérias. Também conhecida pelo seu nome comercial Baytril, o medicamento trata doenças bacterianas que afetam os sistemas respiratório, digestivo e urinário. Ele também trata infecções do ouvido, pele e feridas. O medicamento vem em gotas para os ouvidos, comprimidos mastigáveis e injeções. Os efeitos colaterais incluem diarreia, vômitos, convulsões, depressão e nervosismo.

Lincomicina

A lincomicina, que é semelhante à clindamicina, combate uma estreita gama de bactérias. De acordo com o Pet Place, lincomicina trata infecções bacterianas e de pele, infecções de feridas e ósseas, pneumonia e infecções dentárias. A droga, que vem em cápsulas, formas líquidas, injetáveis ​​e em pó, pode causar vômitos, diarreia e perda de apetite.

Cloranfenicol

Um antibiótico de largo espectro, o cloranfenicol trata infecções bacterianas em cães, incluindo infecções de pele, infecções de feridas e doenças transmitidas por carrapatos. Cloranfenicol vem em cápsulas, comprimidos e líquidos. A droga pode causar a supressão de células formadoras de sangue, vômitos, diarreia e perda de apetite.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível