Causas de hemangiomas vertebrais

Escrito por nichol kirkland | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Causas de hemangiomas vertebrais
Os hemangiomas vertebrais são tumores vasculares benignos (Stethoscope and a medical book image by Monika 3 Steps Ahead from Fotolia.com)

Os hemangiomas vertebrais são lesões não cancerosas geralmente encontradas na região torácica da coluna. Eles são muito comuns, quase sempre assintomáticos e usualmente detectados durante exames de outras doenças ou condições. Não se sabe qual a sua causa, mas existem teorias, fatores e doenças onde os hemangiomas são propensos a ocorrer, segundo o site WebMD.

Outras pessoas estão lendo

Angiogênese e hemangiomas

A principal teoria da causa dos hemangiomas vertebrais envolve a angiogênese, que é o surgimento de novos vasos sanguíneos e capilares no corpo. Esse processo é controlado por vários fatores diferentes de crescimento. Quando um deles aumenta ou diminui demais sua produção, podem ocorrer problemas. Segundo o WebMD, os hemangiomas vertebrais podem se desenvolver devido a uma superprodução dos fatores de crescimento, levando à produção excessiva de capilares no osso.

Gravidez

As mulheres podem desenvolver hemangiomas sintomáticos durante a gravidez. O crescimento dessas lesões durante esse período pode ser devido a vários fatores: aumento do fluxo sanguíneo a uma lesão assintomática existente, aumento da proliferação de células endoteliais devido a mudanças nos níveis de estrogênio e obstrução de veias devido a uma pressão intra-abdominal.

Doença de Gorham

A doença de Gorham é uma doença óssea degenerativa, muitas vezes chamada de "doença do osso fantasma", que pode afetar a coluna. Não se sabe sua causa exata, mas 50% de todos os casos documentados incluem um trauma. A doença é caracterizada por uma grande proliferação de células endoteliais dentro do osso, que causam primeiro os hemangiomas. Conforme a doença progride, o osso infectado começa a fragmentar-se ou deteriorar-se. Não há cura para a doença de Gorham, mas a deterioração pode se estabilizar com o tempo, segundo a Radiological Society of North America (Sociedade Radiológica da América do Norte).

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível