Como fazer os entalhes em uma pestana de violão

Escrito por lee johnson Google | Traduzido por fernanda de assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer os entalhes em uma pestana de violão
A pestana, ou capotraste, do violão é a faixa branca que separa a cabeça do braço (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

Os entalhes na pestana de um violão tem um grande efeito sobre a musicalidade do instrumento; caso sejam feitos de maneira incorreta, podem causar um zumbido quando a corda é tocada. A pestana do violão se encontra entre o braço e a cabeça, onde ficam as tarraxas de afinação e normalmente é uma fina faixa de osso ou outro material, contendo seis espaços, ou entalhes, para as cordas. Aprender a cortar pestanas por conta própria pode ajudar a garantir que as cordas não vibrem nas primeiras casa e possam ser pressionadas contra os trastes com facilidade.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Conjunto de limas para pestanas
  • Conjunto de calibradores
  • Régua
  • Lápis

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Use uma calculadora de pestanas para determinar a distância ideal entre os entalhes, para que as cordas fiquem igualmente espaçadas. Preencha os campos solicitados para obter um cálculo para os entalhes de sua pestana. A largura total da pestana deve ser fornecida, assim como os intervalos desejados entre o extremo baixo o extremo agudo dela. Se preferir, pode-se selecionar um espaçamento de cordas padrão. Informe os calibres das cordas sob o campo “Diameter (thou)”(diâmetro). O diâmetro das cordas é escrito em milésimos de polegada, então uma corda calibre .042 seria 42/1000 de uma polegada.

  2. 2

    Meça a altura do primeiro traste. Faça uma medida precisa da distância entre o braço e a parte de cima do primeiro traste. Ter espaço suficiente entre esse traste e as cordas é vital ao talhar a pestana do violão. Se não houver espaço suficiente, as cordas vão zunir quando tocadas. Verifique a altura dos trastes em diferentes locais do braço (como nas duas cordas E e entre a G e a D), pois o raio do braço pode causar pequenas variações. Geralmente, o traste terá 0,1 cm de altura à partir do braço. Adicione cerca de 0,076 cm de espaço à essa medida, para que a corda possa vibrar sem tocar no traste.

  3. 3

    Marque a posição desejada das cordas na pestana do violão com um lápis. A calculadora de pestana fornecerá a posição precisa dos trastes (de cada lado da pestana) e o diâmetro que devem possuir. O diâmetro é determinado pela grossura das cordas. Empilhe os calibradores ao lado da pestana de modo que fiquem tão alto quanto as cordas precisem estar. Por exemplo, se o traste mede 0,1 cm é necessário 0,076 cm de distância, os calibradores devem ser empilhados com uma folga de 0,076 até 0,1 cm.

  4. 4

    Utilize as limas apropriadas para talhar a pestana na largura correta para cada corda. Os valores devem ser fornecidos pela calculadora de pestana, mas serão ligeiramente maiores que o diâmetro das cordas. Utilize as limas de tamanho mais próximo possível para talhar a pestana, sem utilizar uma lâmina maior que o tamanho desejado para a talha.Por exemplo, um buraco de corda de 0,11 cm pode ser feito com uma lima de 0,1 cm, desde que mexa a lima ao expandir a ranhura. Lime cada corda com a lima apropriada até o calibrador.

  5. 5

    Faça ajustes na ranhura se necessário. Uma afinação pode ser feita se as cordas estiverem muito agudas quando tocadas no primeiro traste. De um modo geral, a corda E (mi) agudo precisa apenas de uma folga de 0,03 cm acima do traste e o E grave precisa de um mínimo de 0,03 cm. Seja cauteloso ao fazer mais cortes, se exagerar a corda irá tracejar quando tocada.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível