Como fortalecer o dedo mindinho para tocar guitarra

Escrito por greg johnson | Traduzido por ale grassi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fortalecer o dedo mindinho para tocar guitarra
Exercícios para o dedo mindinho (Photodisc/Digital Vision/Getty Images)

O dedo mindinho de sua mão esquerda (ou direita para guitarristas canhotos) é uma das ferramentas mais importantes a se desenvolver para ajudá-lo a tocar melhor. Um quarto dedo forte permite alcances maiores, acordes mais complexos e uma grande variedade de técnicas de vibração e vibrato. Entretanto, é também uma das ferramentas mais teimosas de se aperfeiçoar. É o dedo mais fraco e geralmente não funciona independente dos outros dedos. Para usá-lo efetivamente ao tocar guitarra, é preciso fortalecer os músculos que o controlam e desenvolver sua independência completa.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Guitarra elétrica ou acústica
  • Metrônomo

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Sempre aqueça antes de começar qualquer exercício para os dedos. Toque algumas escalas para fazer o sangue circular até sua mão e, em seguida, alongue os dedos e os tendões de seu pulso.

  2. 2

    Toque um trill usando o médio e o mindinho. Faça uma nota com o dedo médio e faça "trills" na nota mais alta com o seu quarto dedo, usando técnicas de "hammer-ons" (martelinhos) e "pull-offs". Use um metrônomo e comece devagar, certificando-se de acompanhar o tempo e aumentado a velocidade gradativamente à medida que seu dedo ganha força. Tente praticar este exercício por cinco minutos a cada sessão.

  3. 3

    Execute o "trill" usando outros dedos nas notas mais baixas, à medida que seu dedo progredir. Pratique o "trill" entre o indicador e o mindinho com um espaço de três a quatro casas entre eles. Use o metrônomo para aumentar a velocidade gradualmente.

  4. 4

    Aumente o espaço entre o indicador e o mindinho para cinco casas, logo que sentir-se mais acostumado, e pratique com baixa velocidade no metrônomo. Dependendo do tamanho de sua mão, é possível estender o espaço para seis ou até sete casas.

  5. 5

    Pratique um exercício que você possa desempenhar que use de três a quatro dedos da mão esquerda e que varie o ritmo que seu dedo mindinho toca. Toque uma nota com o seu primeiro dedo, por exemplo, martele com seu quarto dedo três casas acima e execute um "pull-off" na nota de seu dedo médio. Você pode repetir esse modelo ou ajustá-lo da maneira que quiser. A ideia principal é simplesmente desenvolver a independência de seu dedo mindinho em relação aos outros. Mais uma vez, use o metrônomo.

Dicas & Advertências

  • Tente tocar cada um dos exercícios por cindo minutos a cada sessão de prática, até que tenha adquirido força para começar algo novo. Caso tenha dificuldades de aquecer o suficiente para alongar, tente molhar sua mão em água morna por uns dois minutos.
  • Como qualquer exercício de desenvolvimento de força, caso sinta desconforto em seus dedos ou pulsos, pare de tocar e descanse a mão. Ao aumentar a força, você vai sentir tensão nos tendões, mas não deve haver nenhuma dor aguda durante os exercícios ou dores depois.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível