Como funcionam os toldos retráteis exteriores

Escrito por drue tibbits | Traduzido por jesse mourao
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como funcionam os toldos retráteis exteriores
Os toldos retráteis oferecem mais opções de sombra do que toldos fixos (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Os toldos retráteis exteriores proporcionam sombra instantânea quando necessário, e ainda podem ser guardados quando não estão em uso. Ambos os estilos de toldos retráteis -- articulados ou com braços laterais -- podem se estender a uma variedade de projeções. Estes tipos de toldos usam o método simples de enrolar o corpo de tecido em torno de uma barra de retenção que controla a projeção do toldo.

Outras pessoas estão lendo

Estilos

Os toldos articulados têm braços ou barras tensionados, que se estendem paralelos ao tecido do toldo. Este tipo permite o acesso embaixo do toldo de qualquer direção. Já os toldos com braços laterais utilizam hastes compridas, montadas na base da parede sob o toldo, para sustentá-lo quando estendido. Estes toldos, no entanto, restringem o movimento debaixo do toldo, pois as longas barras forças os usuários a andar para a frente do toldo para sair de baixo dele.

Mecânica

Os braços de toldos articulados empurram a barra frontal do toldo para longe da parede. Na sua posição retraída, o tecido do toldo é enrolado em torno de uma barra montada perto da parede. Essa barra se conecta a uma engrenagem de travamento. Para estender o toldo, o usuário gira a engrenagem para descontrair e soltar o tecido da barra. Quando o tecido desenrola, os braços esticados empurram a barra para frente, mantendo o corpo do tecido esticado. Para recolher o toldo, o usuário inverte a rotação da engrenagem, enrolando o tecido para trás em torno da barra traseira e forçando os braços para trás contra a parede.

Alguns toldos com braço lateral usam uma barra frontal à mola para segurar o tecido. O usuário puxa os braços laterais, fazendo com que a barra frontal estique e desenrole o tecido. Uma vez na posição, o usuário insere pinos de travamento nos braços para mantê-los na posição. Outros toldos com esse tipo de braço usam a barra para enrolar o tecido de volta. Uma fita de tecido também é enrolada em torno da barra. Para estender o toldo, o usuário empurra a barra para frente, fazendo com que a fita enrole na barra. Para recolher o toldo, o usuário puxa a fita, fazendo com que a barra volte para direção oposta e enrole o tecido em torno da barra.

Operação

Os toldos retráteis articulados usam manivelas manuais ou motorizadas para movimentar as engrenagens ou barras. Um interruptor, um dispositivo de controle remoto ou um temporizador operam a engrenagem. Existem também sensores de vento opcionais para as versões motorizadas, estes retraem os toldos quando o vento está muito forte. Já os toldos com barras laterais à mola são operados manualmente. Alguns desses toldos que usam fita de tecido são configurados para serem operados com uma manivela que enrola a fita.

Considerações

Cada tipo de toldo retrátil tem vantagens e desvantagens. Os toldos articulados são mais caros do que os com braços laterais. O peso dos sistemas de braços articulados impede que sejam instalados em paredes sem apoio suficiente. Já os toldos com braços laterais são mais vulneráveis ​​a danos causados ​​por ventos fortes, mas são leves e fáceis de instalar sem ajuda profissional.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível