on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Os insetos e seu nicho ecológico

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Os insetos -- animais com seis pernas e corpos segmentados - são a maior classe de animais na Terra. Embora alguns sejam considerados pragas, a grande maioria deles é inofensiva e provavelmente não é sequer notada pelas pessoas. Esses animais desempenham papéis fundamentais no ecossistema, e, sem eles, os seres humanos não existiriam. Os insetos são tão importantes para a sobrevivência humana que muitos cientistas utilizam a saúde dos insetos de uma região como um medidor do bem-estar geral do ambiente.

Muitos insetos vivem em grandes colônias (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Polinização

A polinização é o processo de fertilização utilizado pela maioria das plantas. As árvores, os frutos, as flores e as ervas deixariam de existir sem insetos. Ao voar ou rastejar de uma planta para outra, os insetos espalham pequenas quantidades de pólen, e alguns também ajudam a dispersar sementes. Embora as abelhas e as borboletas sejam mais comumente associadas com a polinização, todos os insetos contribuem para esse processo ou para a propagação de sementes. Se eles deixassem de existir, muitas espécies de plantas seriam extintas, já que não seriam capazes de se reproduzir.

Loading...

Remoção de resíduos

Alguns animais se alimentam de matéria orgânica morta ou em decomposição, incluindo as células da pele, matéria fecal e animais mortos. Numerosas espécies de insetos, incluindo besouros, comem detritos. Embora as pessoas geralmente pensem na imagem de larvas e outros insetos em uma carcaça como algo perturbador, essas criaturas desempenham um papel vital no ecossistema, eliminando resíduos. Sem os insetos que se alimentam de detritos, o planeta seria rapidamente ocupado por carcaças e outros materiais orgânicos em decomposição.

Alimentação

Os insetos são um componente importante da dieta de inúmeros animais, tais como os répteis, as aves, alguns primatas, os peixes, entre outros. Muitas sociedades humanas tradicionais dependem de insetos como um elemento vital de suas dietas. Eles garantem uma nutrição rápida porque são abundantes e são uma fonte de nutrientes.

Parasitismo

Várias espécies de insetos atuam como parasitas, seja de outros insetos ou outros organismos. Muitas espécies de vespas, por exemplo, depositam seus ovos nos corpos de besouros vivos. Os mosquitos, por sua vez, alimentam-se do sangue de mamíferos, e algumas mariposas e besouros parasitam árvores. Embora esse comportamento possa parecer prejudicial para o ambiente, na verdade, os parasitas desempenham um nicho ecológico importante, ajudando a evitar a superpopulação de algumas espécies e contribuindo para o desenvolvimento de adaptações evolutivas. Hoje, os biólogos acreditam que o gene da anemia falciforme também ajuda a prevenir que seus portadores desenvolvam a malária. Ao forçar os hospedeiros a desenvolverem adaptações para evitar o parasitismo ao longo de muitas gerações, os insetos contribuem para a biodiversidade da Terra.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...