As melhores rotas de viagem da Europa

Escrito por elizabeth smith | Traduzido por rodrigo gammaro alves nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As melhores rotas de viagem da Europa
Europa (Comstock/Comstock/Getty Images)

A Europa é um destino popular entre todos os viajantes do mundo e pessoas de todo tipo. Há sempre algo a oferecer a todos, independente de quanto dinheiro, interesse ou idade você tiver. Ao planejar a viagem, considere seus objetivos pessoais e escolha o itinerário de acordo com eles. Algumas das melhores rotas foram testadas por séculos. Os melhores lugares do continente são eternos e a proximidade dos países contribui com a conveniência e rapidez da viagem.

Outras pessoas estão lendo

Excursão pela arte europeia

A Europa tem arte de qualidade. Se você for um grande fã de arte, comece com a Meca do mundo artístico, o museu do Louvre em Paris, lar da Monalisa e da Vênus de Milo. Depois, vá ao Museo del Prado em Madrid, na Espanha, onde pode ver trabalhos de El Greco e Titian. Vá à Holanda para visitar o Museu Van Gogh e continue até a Itália. Em Florença, você pode ver o David, de Michelangelo, a cúpula de Brunelleschi e a estonteante Galleria degli Uffizi. Desça a Roma para visitar a Capela Sistina, a Pietá, de Michelangelo, e incontáveis afrescos. Se tiver tempo, tente ir ao British Museum, em Londres, e à Albertina, em Viena.

As melhores rotas de viagem da Europa
Museu do Louvre, em Paris (Karl Weatherly/Photodisc/Getty Images)

Excursão pela culinária europeia

A Europa é lar de algumas das melhores culinárias do mundo, que tem sido desenvolvidas ao longo da história nas regiões. Comece na Espanha e experimente frutos do mar e pratos famosos, como a paella. Tome um trem até a França e visite restaurantes de Paris para entregar-se a pratos ricos, amanteigados e peculiaridades, como o escargot (lesma). Em Provença, você se deliciará com vinhos, ervas e hortaliças locais. Adiante, na Suíça, prove os chocolates e queijos mais famosos do mundo. Para finalizar, vá ao sul, para a Itália. Pare na Toscana para provar sua energética culinária. Aproveite o vinho local em um dos vários vinhedos e coma toda a massa que seu estômago aguentar. Certifique-se de andar de bicicleta sempre que puder para queimar as calorias e visite o interior entre as refeições.

As melhores rotas de viagem da Europa
Paella espanhola (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Mochilão europeu

Se você tiver tempo, dinheiro e paciência, faça o itinerário feito por milhares de mochileiros todo ano. Agende uma passagem barata para uma das grandes capitais europeias (Dublin é uma boa alternativa a Londres) e vá sem reservas nem planos. Se você puder arcar com esse tipo de viagem, será o melhor jeito de conhecer a Europa. Leve pouca coisa, seja flexível e você terá a liberdade de ir aonde seu espírito lhe levar, passando mais tempo em lugares que você gosta e menos em lugares que não gosta. Um itinerário possível é voar para Dublin, explorar a Irlanda, ir à Escócia e Inglaterra, ir de túnel a Paris e continuar para a Espanha e Portugal. Voe até a Itália, pegue um barco até a Grécia e tome algumas combinações de trens e voos até a Áustria, Suíça, Alemanha e Holanda.

As melhores rotas de viagem da Europa
Dublin, vista de cima (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

A rota menos viajada

Se você for um aventureiro e procurar por uma experiência única, considere uma rota menos comum. Passe um tempo na Finlândia, Suécia e Noruega para ver lindas paisagens e pessoas belas. Gaste menos dinheiro viajando ao leste europeu e aprecie lugares com menos turistas na Polônia e Romênia. Se quiser gastar menos tempo em trânsito e quiser ter uma experiência mais profunda, pense sobre escolher um país para explorar, visite as incontáveis vinícolas italianas, aproveite a paisagem da Croácia ou passeie de bicicleta pela Irlanda.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível