Mais
×

Como mover ou renomear arquivos no Linux

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

O Linux permite que você manipule arquivos e diretórios a partir do console BASH (Bourne Again SHell). O console permite o uso de todas as funcionalidades do sistema operacional no formato de linha de comando, que é a forma ideal para quem deseja ter um controle maior sobre os arquivos e diretórios, mas pode ser confusa para quem não está acostumado com seu uso..

Instruções

O Linux é um sistema operacional, como o Windows e o Mac OS X (laptop image by martini from Fotolia.com)
  1. Renomeie arquivos usando o comando "mv" e digitando o nome do arquivo e um novo nome. A sintaxe para mudar um nome de arquivo é "mv nomeantigo nomenovo". Você também pode usar este comando para criar um backup sem mover o arquivo para outro diretório, recopiando o arquivo original para o mesmo diretório (você pode em seguida sobrescrevê-lo com o backup mais tarde, se preciso).

  2. Mova um arquivo de outro diretório para seu diretório atual usando um ponto no final da linha de comando. Por exemplo, para mover o arquivo "fatura" da pasta "usr/banking", você deve digitar "mv usr/banking/fatura .".

  3. Digite "mv" para mover um diretório de um local para outro. Ao digitar "mv xadrez jogos", o diretório "xadrez" é movido para dentro do diretório "jogos".

  4. Use o "mv" para mover um diretório para dentro de outro que fica dentro de seu diretório pai. Para isto, use dois pontos em sequência: "..". Portanto, ao digitar "mv xadrez ../jogos", o diretório "xadrez" é movido para dentro de "jogos", que fica dentro da pasta pai do diretório atual.

  5. Use o parâmetro "-i" para prevenir que arquivos e diretórios sejam sobrescritos. Normalmente, se você simplesmente usar o comando "mv", você sobrescreve os arquivos automaticamente, mas ao usar o parâmetro "-i" você recebe um aviso de que arquivos podem ser sobrescritos. Para isso, digite "-i" logo após o comando "mv", com espaços entre o comando e os objetos a serem movidos. Exemplo: "mv -i file1 file2."

Dicas

  • A maioria das interfaces gráficas permitem que você crie, mova e renomeie seus arquivos sem precisar usar os comandos BASH. No entanto, elas às vezes limitam o controle direto que você pode exercer. Elas usam outros passos para dar funções aos parâmetros de linha de comando.

Aviso

  • Se você mover os arquivos para diretórios que já tenham versões anteriores destes arquivos, você corre o risco de sobrescrevê-los. Mova os arquivos apenas para o lugar onde deseja colocá-los.

O que você precisa

  • BASH
  • Linux
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article