Mais
×

Como saber o número de sapato masculino que uma mulher pode usar

Mulheres à procura de uma opção de sapato exclusivo podem usar sapatos masculinos. Sapatos masculinos proporcionam uma aparência mais robusta do que os sapatos femininos e podem ser mais confortáveis e econômicos, em alguns casos. Mulheres com pés em tamanhos grandes, podem encontrar uma variedade maior de sapatos, com mais probabilidade de um ajuste adequado, comprando na seção de sapatos masculinos em um lojas especializadas. Depois que uma mulher encontrar um sapato masculino que a agrade, convertê-lo para o tamanho feminino pode ser fácil, seguindo apenas uma equação matemática.

Instruções

Mulheres podem usar sapatos masculinos (Adrián González de la Peña/Demand Media)
  1. Entenda os tamanhos dos sapatos das crianças. Calçados infantis variam do tamanho 13 ao 32, com sapatos masculinos e femininos de tamanhos equivalentes. Quando o menino já passou o número 32, ele começa a usar tamanhos adultos masculinos e é neste ponto no qual os números de sapatos de mulheres e homens começam a divergir.

    Tamanhos masculinos e femininos (Adrián González de la Peña/Demand Media)
  2. Meça o pé da mulher, em centímetros, usando uma régua, fita métrica ou guia de medição comumente encontrados em lojas de sapatos. Comece a medir no calcanhar até o dedão do pé. Compare as medidas com as da tabela contida nas referências ou no guia de medidas nas lojas de sapatos.

    Sapatos (Adrián González de la Peña/Demand Media)
  3. Subtraia dois do tamanho do sapato feminino. Este é o tamanho do sapato masculino que vai caber na mulher que mediu o pé. Por exemplo, se o pé feminino medir 22 cm, ela usará um sapato feminino número 34. Portanto na numeração masculina ela usará 32.

    Tamanho de sapatos (Adrián González de la Peña/Demand Media)

Dicas

  • Cada marca de sapato possui seus próprios números e ajustes. Portanto o tamanho do sapato pode variar um pouco dependendo da marca.

O que você precisa

  • Régua
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article