O que é o ponto "G" e como estimulá-lo

Escrito por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é o ponto "G" e como estimulá-lo
O ponto G seria uma zona altamente erógena no corpo feminino (Jupiterimages, Brand X Pictures/Stockbyte/Getty Images)

O famoso ponto G, tão procurado quanto controverso, é protagonista de uma série de debates acerca de sua existência. Mito ou realidade? A princípio, o ponto G nada mais é do que uma zona erógena que teria o poder de potencializar o prazer feminino durante o sexo. Em teoria, o estímulo do ponto G levaria a orgasmos intensos e múltiplos. A veracidade do fato ainda não tem comprovação científica, mas muitos sexólogos garantem que existe, sim, um ponto sensível no canal vaginal que é capaz de liberar dopamina, o hormônio do prazer. Saiba o que é e como encontrar e estimular o ponto G.

Outras pessoas estão lendo

História do ponto G

A busca pelo ponto G começou com estudos do ginecologista alemão Ernst Gräfenberg, médico que teorizou acerca de um ponto específico gerador de prazer no corpo feminino. Suas ideias, que tiveram grande repercussão nos anos 1950, também traziam estudos sobre a ejaculação feminina. Em 1981, os sexólogos John D. Perry e Beverly Whipple garantiram terem encontrado o tal ponto. Em homenagem ao ginecologista alemão, eles chamaram essa zona erógena feminina de ponto de Gräfenberg, ou ponto G. No entanto, existe uma grande controvérsia sobre o assunto. Ginecologistas até hoje criticam a exatidão dos sexólogos em afirmar a existência desta região no corpo feminino também conhecida como ponto do prazer.

O que é o ponto "G" e como estimulá-lo
Cientificamente, há uma grande controvérsia sobre o assunto (Keith Brofsky/Stockbyte/Getty Images)

Onde fica

Em teoria, o ponto G é uma pequena área localizada na parede vaginal anterior, onde há grandes terminações nervosas. Seria um ponto que fica perto do canal da uretra, bem atrás do osso púbico. Há uma teoria que afirma que o ponto G é o resquício embriológico na mulher do que é a próstata no homem. No entanto, apenas localizar o ponto do prazer não é suficiente para ter um orgasmo. O prazer sexual é uma combinação física e psicológica. Por isso, tudo o que circunda o mundo do sexo - ambiente favorável, preliminares, desejo e o ato sexual em si - ajuda para chegar à excitação sexual com ou sem ponto G.

O que é o ponto "G" e como estimulá-lo
O ponto G supostamente se localiza na parede vaginal anterior (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Como estimular

A forma mais fácil de estimular o ponto G é, em tese, pela masturbação. Isso porque a penetração peniana estimula toda a região vaginal, e não só o ponto específico do prazer. Com os dedos, seria mais fácil chegar até o local exato do ponto. Outra forma fundamental de lidar com o ponto G é pelo autoconhecimento do corpo. O ponto do prazer não é uma verdade exata. Muito pelo contrário, ele supostamente varia de mulher para mulher. Dessa forma, a autoestimulação ajudaria a encontrar o ponto exato do prazer. A prática faz com que o ponto seja estimulado de forma mais direta e intensa.

O que é o ponto "G" e como estimulá-lo
A masturbação faz com que o ponto seja estimulado de forma mais direta e intensa (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Orgasmos incríveis

Para atingir a série de orgasmos propagandeados pelo senso comum, é preciso que a mulher esteja em uma grau de excitação bastante desenvolvido durante o sexo. Isso faz com que a parede vaginal esteja bem lubrificada, o que facilita na hora de atingir o ponto G. Um orgasmo mais intenso poderia ser atingindo ao massagear o clitóris e o ponto G ao mesmo tempo. No mercado de itens sexuais, é possível encontrar uma variedade de produtos que prometem orgasmos inesquecíveis na região do ponto G. Vão desde vibradores adaptados até camisinhas que massageiam o famoso ponto G.

O que é o ponto "G" e como estimulá-lo
É importante que cada mulher conheça bem seu próprio corpo (Visage/Stockbyte/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível