Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros

Escrito por rachel dennis | Traduzido por fernando prezotto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros
Conhecer os procedimentos de Primeiros Socorros é muito valioso (sign. first aid sign image by L. Shat from Fotolia.com)

Estar seguro e saber o que fazer quando emergências acontecem podem ajudar a tornar mais fácil lidar com essas horas difíceis. Conhecer os procedimentos de primeiros socorros, e de segurança ao lidar com emergências médicas, permite à vítima receber os cuidados que ela precisa e reduz os riscos de mais danos. Aqueles que conhecem os procedimentos de primeiros socorros tendem a permanecer mais calmos e não entrar em pânico quando emergências acontecem, tornando a situação menos traumatizante para a vítima.

Outras pessoas estão lendo

Mantendo-se em Segurança

A segurança é uma parte importante dos primeiros socorros. A falta de segurança durante uma emergência pode ocasionar outras vítimas, se o ambiente ou situação perigosa faz com que quem está resgatando se torne alguém a ser resgatado. Procurar por situações perigosas, como tráfego pesado, fios de força caídos, animais, e habitats como colmeias de abelhas, ao chegar no local da emergência pode alertar o socorrista que a área onde o incidente está localizado pode não ser um lugar seguro para começar um primeiro socorro ou ajuda. Se o local da emergência é perigoso, a vítima pode ser movida para um local seguro antes de iniciar o processo de primeiros socorros. Por exemplo, se a vítima foi picada por uma abelha que desencadeou uma reação alérgica e o socorrista vê a colmeia próxima à vítima, a cena é considerada não segura. Nesse cado, a vítima dese ser movida para longe da área onde a colmeia está localizada antes de se iniciar o tratamento. Permanecer no lugar pode ser perigoso para a vítima porque as abelhas podem atacar tanto a vítima como o socorrista.

Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros
Colméia com enxame (bee bees apises beehive hive insect image by Pali A from Fotolia.com)

Procedimento de Primeiros Socorros para uma Reação Alérgica.

Uma reação alérgica pode ser pequena ou severa. Reações pequenas geralmente consistem em vermelhidão, coceira, e inflamação na área onde a reação acontece. Uma reação severa pode resultar em inchaço da língua e vias respiratórios que podem levar à morte se não tratadas. O primeiro passo para tratar uma reação alérgica é impedir que a reação piore removendo do corpo da vítima o que quer que a tenha causado. Por exemplo, se a reação alérgica foi causada por uma picada de uma abelha e o ferrão ainda está presente na pele, gentilmente remova o ferrão. Lave a área afetada com sabonete e água. Creme de cortisona pode ser aplicado na área. Um anti-histamínico, como Benadryl, pode ser usado oralmente para auxiliar contra a reação. Compressas frias podem ser usadas para reduzir inchaço e reduzir coceira. Reações alérgicas severas, que envolvem as vias respiratórias da vítima, devem ser tratadas por profissionais da saúde, como paramédicos.

Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros
Uma das causas de reação alérgica (biene image by Heinz Waldukat from Fotolia.com)

Procedimento de Primeiros Socorros ao se Aplicar uma Atadura

Uma atadura é usada para cobrir um ferimento. Gazes e rolos de gazes são usadas para fazer as bandagens. Primeiramente, coloque uma gaze quadrada sobre a área da ferida. Segure-a no lugar com um dedo e enrole o local machucado e as gazes - para mantê-las firmes - com a gaze em rolo. Ela deve estar apertada o suficiente para segurar as gazes no lugar sem comprometer a circulação na área. Se houver descoloração, entorpecimento ou se a área ferida estiver fria ao toque, então a circulação pode ter sido comprometida e a gaze está muito apertada. Quando aplicar a bandagem em uma mão, lembre de deixar as pontas dos dedos expostas, se possível, para poder verificar sintomas de circulação comprometida.

Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros
Mão enfaixada (man with injured hand image by Joann Cooper from Fotolia.com)

Controle de Sangramento

Um sangramento pode ocorrer toda vez que a pele é perfurada. Cortes, furos e arranhões podem causar sangramento. Limpe o corte com sabonete e água. Isso permite ver o corte e remove bactérias e sujeira do local. Pressão direta é o primeiro passo para o controle do sangramento. Use gazes limpas e secas ou pano para cobrir o ferimento e pressionar o local firmemente (pressão direta). Se a gaze ficar encharcada com sangue, aplique gazes adicionais sobre ela. Feridas menores são controladas rapidamente e podem ser cobertas com creme antibiótico e depois um curativo ou bandagem. Um tratamento mais profundo pode ser necessário para controlar maiores sangramentos. Eleve a parte do corpo ferida acima do nível do coração quando possível. A elevação pode ajudar a reduzir a circulação sanguínea, permitindo à ferida coagular. Uma compressa fria pode ser usada sobre a bandagem (gaze) juntamente com a pressão direta para ajudar a controlar o sangramento. Simplesmente adicione uma compressa fria diretamente sobre os curativos e aplique pressão direta. Um profissional médico deve tratar sangramentos severos.

Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros
Corte sangrando (hand with blood image by Ivonne Wierink from Fotolia.com)

Procedimento para Tratar Queimaduras

Queimaduras térmicas se referem às queimaduras causadas por uma fonte de calor, e são classificadas em três grandes grupos: primeiro grau, segundo grau, e terceiro grau. Queimaduras de primeiro grau são as menos severas e os sintomas incluem vermelhidão da pele, que se torna branca quando pressionada, e dolorosa ao toque. Uma suave queimadura de sol é um exemplo dessa queimadura. Tratamentos para queimaduras começam primeiramente pela remoção da fonte de calor. Pare o processo que queima deixando a queimadura em água corrente ou submergindo a área afetada em água por vários minutos. Seque a área e aplique um curativo seco e limpo. Gel para queimaduras, que ajuda a aliviar a dor, e creme antibióticos podem ser usados. Queimaduras de segundo grau incluem bolhas na pele, dor, vermelhidão, e inchaço. Queimaduras de terceiro grau podem resultar em pele branca ou carbonizada (escura) e geralmente envolve pouca dor, devido ao dano causado aos nervos pela queimadura. Aplique pomada antibiótica nas queimaduras de segundo grau e as cubra com um curativo não adesivo. Um profissional da saúde deve cuidar das queimaduras de terceiro grau. Cubra a queimadura de terceiro grau com um curativo úmido, e esterilizado até que possa ser tratado pelo agente da saúde.

Procedimentos de Segurança e Primeiros Socorros
Tabela de Queimaduras da Pele (burns specialists desk image by Keith Frith from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível