Processo de secagem de madeira

Escrito por gus stephens | Traduzido por pamela oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Processo de secagem de madeira
A madeira verde deve ser seca antes de ser usada para construção (Dick Luria/Photodisc/Getty Images)

A madeira fresca, recém cortada, conhecida no mercado como madeira "verde," tem uma grande quantidade de umidade que a torna inapropriada para a maior parte dos usos em construção. A madeira seca tem uma estrutura forte e uma grande estabilidade dimensional, além de ser mais leve e portanto, mais barata para transportar. A madeira verde vai encolhendo conforme seca depois da instalação. Suas dimensões originais também mudam forçando fixadores e gerando vãos e deformações. A madeira, enquanto não estiver completamente seca, é imprópria para pintura e colagem além da aplicação de conservantes e retardadores de chama.

Outras pessoas estão lendo

Secagem ao ar livre

A madeira cortada é empilhada em um local aberto de forma que todos os lados das tábuas estejam expostas à circulação de ar. Um telhado, como o de galpão, pode cobrir a pilha para protegê-la de intemperismos. A secagem de tábuas de 2,5 cm leva de 45 a 60 dias no verão, enquanto a de tábuas de 5 cm leva de 60 a 90 dias. Durante o inverno o tempo necessário para a secagem dobra.

Secagem por ventilação

As tábuas são empilhadas ao ar livre de forma que todos os lados delas fiquem expostos ao ar. Ventiladores são usados para aumentar a circulação de ar. um telhado pode ser usado para protegê-las de intemperismos.

Secagem em baixa temperatura

A madeira é empilhada em um local fechado e mantido em temperaturas entre 27 e 43 graus celcius. Ventiladores que movimentam o ar a 14 metros cúbicos por minuto são usados para forçar o ar através da pilha, que é feita de forma a expor todos os lados da madeira. O aquecimento é feito por secadores solares, desumidificantes ou de vapor aquecido.

Secagem em forno convencional

As tábuas são empilhadas dentro de uma estrutura fixa e fechada, criada para secar madeira. Temperaturas próximas a 93 graus são aplicadas e ventiladores automáticos e borrifadores de vapor são usados para ajustar a umidade. Ventiladores que geram correntes de ar com velocidades entre 7 e 11 metros cúbicos por minuto são usados para forçar o ar pela pilha de tábuas. Aproximadamente 75 por cento dos fornos convencionais são aquecidos por vapor, sendo os demais aquecidos por fogo, eletricidade ou energia solar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível