Os ramos centrais do meu arbusto de fogo estão mortos

Escrito por catherine duffy | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os ramos centrais do meu arbusto de fogo estão mortos
Os arbustos são usados em áreas paisagísticas comerciais, em residências e ao longo de estradas e rodovias (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

O arbusto de fogo, ou cipreste de verão (Euonymus alatus), é uma planta resistente, capaz de tolerar a seca e o solo ruim. Originária da China, os arbustos são usados em áreas paisagísticas comerciais, em residências e ao longo de estradas e rodovias. Pela sua capacidade de adaptação e técnicas de semeadura, os arbustos são considerados invasivos em muitas regiões nos Estados Unidos. Não obstante, sua folhagem brilhante de outono é apreciada por muitos cultivadores. Mesmo sendo resistentes, as plantas são suscetíveis a pragas e danos ambientais.

Outras pessoas estão lendo

Ácaros

Os ácaros são insetos insidiosos, que se reproduzem rapidamente, e podem destruir os galhos do arbusto de fogo em uma única estação de cultivo. Além dos ramos marrons e queda das folhas, as plantas com grave infestação são cobertas por uma teia fina e esbranquiçada. Para verificar se há ácaros, antes dos estágios graves de uma infestação, segure um pedaço de papel branco embaixo de um galho e agite-o. Os ácaros benéficos são vermelhos, enquanto os nocivos deixam uma estria verde. Para o controle dessas pragas, faça a limpeza das ervas daninhas ao redor da planta antes do inverno, pois os ácaros se abrigam nelas nessa estação. Aplique óleo de horticultura nas áreas infectadas do arbusto e remova suas porções mortas ou muito afetadas pela doença.

Escamas

As escamas vivem e se reproduzem nos galhos curvos e reentrâncias do arbusto, tornando os ramos interiores mais suscetíveis a infestações que os brotos externos. Essas pragas mastigam a planta, extraindo a clorofila e a matam efetivamente, folha por folha. Os ramos se tornam amarronzados e as folhas caem. Evite a infestação regando o arbusto nos meses secos, pois com a boa manutenção, ele poderá reagir melhor e mais rapidamente aos ataques do que uma planta enfraquecida e estressada. Verifique os ramos em busca de ovos e use óleo de horticultura, se houver escamas.

Poda

Os arbustos de fogo são plantas densas. Quanto mais densos os ramos, menos luz irá penetrar em sua parte interna. A ausência de luz torna os ramos interiores amarronzados. Os arbustos plantados em sebes devem ser podados uma vez na primavera e novamente no meio do verão. Apare até cerca de 5 cm de um novo crescimento por vez, e certifique-se de que a base da planta fique mais larga que o topo. Isto permitirá a penetração da luz até os ramos mais baixos, diminuindo a morte da folhagem. No caso de plantio em sebes, os ramos interiores amarronzados não serão um problema, desde que não seja causado por uma infestação de insetos.

Manutenção e cuidados

O dessecamento do caule é um problema observado nos arbustos de fogo e pode ser causado por deficiência de água e nutrientes. Embora os arbustos sejam capazes de sobreviver em uma ampla gama de condições de cultivo não ideais, há uma diferença entre sobreviver e vicejar. Para estimular a exibição da folhagem de outono e o crescimento vibrante, forneça ao seu arbusto um solo úmido e bem drenado. Teste o solo e aumente os níveis ácidos, se as mensurações estiverem dentro da faixa de alcalinidade na escala de pH. Incorpore matéria orgânica (compostagem e matéria vegetal) aos solos densos e argilosos .

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível