Remédios caseiros mexicanos para problema de queda de cabelo

Escrito por sumei fitzgerald | Traduzido por marla maisonnett
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Remédios caseiros mexicanos para problema de queda de cabelo
Alguns remédios mexicanos foram utilizados nas civilizações maias e aztecas (inca tiki image by Jim Mills from Fotolia.com)

Remédios a base de ervas estão em alta para vários problemas de saúde, até mesmo para queda de cabelo. Uma grande variedade de ervas mexicanas, algumas com histórico de uso ainda na civilizações maias e aztecas, está sendo utilizada em xampus e outros remédios mexicanos para tratar a queda de cabelo.

Outras pessoas estão lendo

Aloe vera e óleo de abacate

A aloe vera proveniente da América do Sul e do México tem sido utilizada desde os tempos antigos para tratar vários problemas de pele e também a queda de cabelo. Seu gel pode alisar o couro cabeludo e agir como um anti-inflamatório. Ela restaura o balanço correto do pH do couro cabelo e nutre o cabelo.

O óleo de abacate é uma planta natural utilizada em condicionadores para nutrir o cabelo seco. O conteúdo rico em vitamina E do abacate penetra profundamente no cabelo e estimula a circulação no couro cabeludo. Os ácidos graxos essenciais dessa fruta podem aliviar os problemas de pele que contribuem para a queda de cabelo.

Remédios caseiros mexicanos para problema de queda de cabelo
A aloe vera é utilizada para tratar queda de cabelo (aloe vera image by Nadja Jacke from Fotolia.com)

Capsaicina, unha-de-gato e cacahuanche

A unha-de-gato, ou uncária tomentosa, é um cipó antes conhecido pelos Incas como "videira santa". Existem mais de 60 variedades desse cipó e algumas espécies mexicanas possuem propriedades tóxicas. Os xampus que a contêm são formulados para pessoas com alergias e sensibilidades que as deixam propensas à queda de cabelo. O óleo da fruta do cacahuanche foi utilizado pelos Aztecas para tratar do mesmo problema. Dizem que ela fortalece a raiz do cabelo e estimula os folículos do cabelo. A pimenta utilizada vem das pimentas jalapeño. Dizem que a capsaicina, o ingrediente ativo das pimentas, estimula o couro cabeludo e o crescimento de cabelo. Foi descoberto que ela estimula a produção de um fator de crescimento do IGF-1, semelhante à insulina. Uma combinação de capsaicina e isoflavonas de soja provocou o crescimento de cabelo em 64,5% dos homens com a perda de cabelo e ajudou significativamente 88% dos que tinham alopecia androgenética. O estudo foi publicado na revista Growth Hormone & IGF Research, em 2007.

Remédios caseiros mexicanos para problema de queda de cabelo
A capsaicina das pimentas pode ajudar no crescimento de cabelo (Thai chili peppers over bamboo mat image by Dahl from Fotolia.com)

Sapota, palsaparilha e palmeira-anã

A árvore da sapota cresce ao sul do México e suas sementes são usadas para tratar da queda de cabelo. Acredita-se que o óleo do caroço detém a queda de cabelo; no México, os caroços são misturados com óleo de rícino. A Universidade da Califórnia, nos EUA, descobriu que o óleo da sapota pode prevenir a queda de cabelo causada pela dermatite seborreica. O cipó salsaparilha é outro componente dos remédios herbais mexicanos contra a queda de cabelo. Ele tem sido utilizado na América Central para várias doenças de pele e é um ingrediente popular nos remédios que tratam a queda de cabelo. As bagas da palmeira-anã são remédios herbais comuns para problemas de próstata. Elas crescem no sudeste do México e têm sido muito utilizadas nos remédios para queda de cabelo. Acredita-se que os remédios Avacor e Nioxin, comercializados nos EUA, preservem e promovam o crescimento de cabelo.

Remédios caseiros mexicanos para problema de queda de cabelo
As bagas da palmeira-anã são utilizadas no tratamento de problemas de próstata e queda de cabelo (Palmetto Frond image by Jorge Moro from Fotolia.com)

Lavanda, alecrim e salva

Os óleos de lavanda estimulam a circulação no couro cabeludo, o que previne a queda de cabelo. Eles geralmente são utilizados como antissépticos e em problemas relacionados ao estresse. Estudos preliminares sugerem que o óleo de lavanda em remédios ervais pode ajudar a prevenir a queda de cabelo associada com alopécia areata, uma problema em que as manchas ou a queda total de cabelo acontece em qualquer parte do corpo. O alecrim é outra erva historicamente utilizada em remédios mexicanos para queda de cabelo. Ele pode promover o crescimento no couro cabeludo, mantendo os folículos pilosos livre de acumulo de óleo naquela região. Ele também contém antibióticos, antioxidantes e agentes anti-inflamatórios, que podem ajudar a reduzir as lesões nos folículos de cabelo e infecções. Um estudo escocês publicado em Archives of Dermatology descobriu que a massagem diária com uma mistura de alecrim e outros óleos no couro cabeludo promoveu o crescimento em 44% dos participantes. De acordo com o Dr. Nancy Neff, da Universidade Rice, afirma que a salva é comumente utilizada em comunidades hispânicas para evitar a queda de cabelo. Ela é um ingrediente comum nos remédios herbais para esse tipo de enfermidades.

Remédios caseiros mexicanos para problema de queda de cabelo
O óleo de alecrim pode ajudar a limpar as infecções e promover o crescimento do cabelo (rosemary flowers image by Karin Lau from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível