As sete virtudes morais de Aristóteles

Escrito por jack taylor | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As sete virtudes morais de Aristóteles
Aristóteles é famoso por seus ensinamentos sobre a ética moral (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Aristóteles é um antigo filósofo grego que viveu do ano 384 a.C até 322 a.C. As sete virtudes são originárias do trabalho e dos ensinamentos de Aristóteles, Platão e Sócrates. Ele esboçou quatro dessas virtudes antes de sua morte, as quais foram adotadas pela Cristandade, e depois mais três foram acrescentadas. Elas são comumente conhecidas como as sete virtudes divinas e se opõem aos sete pecados capitais.

Outras pessoas estão lendo

Caridade

A caridade, uma das sete virtudes, opõe-se ao pecado capital da inveja. Ela inclui ser compassivo e leal, além de tentar inspirar os outros a serem gentis através de suas ações. Sentir-se ressentido com outra pessoa ou realizar uma ação baseado no prejuízo é uma contradição da virtude da caridade.

Castidade e moderação

A castidade é a virtude divina que se opõe ao pecado capital da luxúria. Ela exige a abstinência de condutas sexuais a menos que se esteja em um relacionamento para se manter puro. Ela promove a boa saúde, educação e conquistas e desencoraja o uso de intoxicantes. A moderação descreve o ato de limitação e autocontrole, onde você pensa sobre suas ações, evita a hostilidade e considera todas as pessoas envolvidas. A moderação se opõe ao pecado capital da gula.

Diligência e generosidade

A virtude da diligência requer a integridade e a crença em seu próprio trabalho, tendo cuidado e não desistindo quando se encontra um obstáculo, além de sempre defender suas crenças, sendo, assim, uma pessoa confiável. Essa virtude desencoraja a preguiça e se opõe a este pecado capital. A virtude da generosidade pode ser atribuída a atos de generosidade e sacrifício. Desistir de algo por outra pessoa demonstra esta virtude. Seu oposto é o pecado capital da avareza.

Paciência e humildade

A virtude da paciência relaciona-se aos atos de perdão e de estar em paz com si mesmo. Nunca recorrer à violência e ser uma pessoa estável e confiável são qualidades da paciência. O pecado capital oposto a ela é a ira. A humildade significa ser modesto e ter a coragem para enfrentar seus medos ou realizar tarefas difíceis, tediosas ou indesejáveis. O orgulho é o pecado capital que se opõe a esta virtude.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível